quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

CONSTRUINDO PEQUENAS CERCAS



Eu ainda vou aprender a lidar com perguntas de pessoas invasivas.
Sou o "tipo do cara" que parece uma "casa sem cercas": volta e meia nego está me invadindo.
São aquelas senhoras (sim, porque eu não me sinto uma senhora,e sim uma "menina")que quando reencontram com você depois de anos,e nesse meio tempo parecem paparazzi da revista CARAS:querem saber de toda a sua vida em meia hora.

Todo mundo deve passar por isso na vida.Aquelas perguntas que chegam a doer quando são feitas, e a gente nunca sabe o que responder:

-Mas você se separou? Por que?

-Você não quis se casar?

No meu caso existe a pergunta que mais dói:

-Você não quis ter outro filho?

Aí eu tenho que "abrir o livro da minha vida" e contar a longa e dolorida história de uma gravidez nas trompas, que me fez passar muito mal, seguida de uma depressão que me fez desistir de querer ter outro filho. E aí, parece que a pessoa não se satisfaz e ainda aconselha:


-Ah, mas você é nova...Um filho só não é bom não...


Nada contra as pessoas invasivas que nos querem bem. Mas quem souber de técnicas, ou frases de efeito, para lidar com este tipo de invasão, eu agradeço. Como uma amiga minha uma vez, que se saiu com essa no reencontro com uma velha colega de curso. As duas não se viam há muito tempo:

- Menina, como você engordou!

- É, mas eu continuo muito educada.

domingo, 20 de fevereiro de 2011

NASCIDA PARA SONHAR...



"Quando era pequeno, muitas vezes me disseram que os sonhos das pessoas mais humildes não se realizam. Também me disseram que eu nunca frequentaria a facudade e que também seria melhor que eu tivesse objetivos mais acessíveis, que me voltasse para metas mais realistas. Mas continuei a sonhar e a definir meus objetivos, de uma forma ou de outra. Não só fui para a faculdade, como me graduei com doutorado.
Nunca desisti de um único sonho.
Para mim, tudo que é valioso vale o risco. Insistir na segurança é perder a essência do jogo. Por certo, o risco traz consigo a possibilidade do sofrimento, embora haja um sofrimento mais profundo oriundo do vazio de nunca se ter arriscado em nada."


Leo Buscaglia,
Trecho do livro : Nascido para amar.

sábado, 19 de fevereiro de 2011

SÓ DE SACANAGEM




"Pois bem, se mexeram comigo , com a velha e fiel fé do meu povo sofrido, então eu agora vou sacanear:

mais honesta ainda vou ficar.

Só de sacanagem !

Dirão : "Deixa de ser boba, desde Cabral que aqui todo o mundo rouba", e eu vou dizer
"Não importa, será esse o meu Carnaval, vou confiar mais e outra vez. Eu, meu irmão, meu filho e meus amigos, vamos pagar limpo a quem a gente deve e receber limpo do nosso freguês.
Com o tempo a gente consegue ser livre , ético e o escambau."


Dirão :"É inútil, todo mundo aqui é corrupto, desde o primeiro homem que veio de Portugal"
Eu direi "Não admito, minha esperança é imortal.
Eu repito, ouviram ? IMORTAL !
Sei que não dá pra mudar o começo, mas se a gente quiser , vai dar pra mudar o final!"




Trecho da poesia SÓ DE SACANAGEM , retirada do livro :PAREM DE FALAR MAL DA ROTINA , de Elisa Lucinda.

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

ELA DISSE ADEUS




Hoje ela virou pra mim e disse :

- Acho melhor você ir procurando outra pessoa.

Pensei em dizer : "mas como, você vai me deixando assim, depois de oito anos ?" "será que não sou mais importante pra você"?
Mas não falei nada . Ou melhor :

- Tudo bem .

Nem chorar chorei. Engolí o orgulho em seco.Sou meio gelada assim mesmo .Claro , só por fora.

Por dentro estou sem chão.

Como vou vai ser daqui pra frente agora ?

Será que outra pessoa saberá me entender assim ? Entenderá quem sofre de BAGUNCITE VIRAL CRÔNICA do jeito que ela sabe entender ?

Não.

Agora ela vai deixar de trabalhar em casa de família. Vai se tornar AUXILIAR DE ESCRITÓRIO em uma CRECHE.

E eu curtirei uma grande fossa baguncística monical . Até aparecer outra pessoa que tenha alguns traços de TOC pra poder conseguir organizar minha casa de novo.


sábado, 12 de fevereiro de 2011

FRASE DE ANGÉLICA ( Que pode ser sua )



A loura poderosa disse recentemente a Veja:
"Na verdade, voltei para a análise porque tenho três homens em casa. Sendo que um deles é o Luciano Huck"

A minha:

"Na verdade, faço análise porque sempre tenho dois com homens em casa. E um deles é Marcelo Barcelos."

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

ECONOMIZE ENERGIA ( a sua )



As vezes, a gente tem que se distanciar de uma situação pra conseguir resolvê-la.

Muitas vezes nos apegamos a "resultados" onde temos o melhor "custo-benefício"
( em termos financeiros ) sem perceber que a partir do momento em que a gente se desapega, tudo se resolve.

Minha terapeuta sempre fala : muitas vezes quando a gente DESISTE, é que as coisas que estavam emperradas voltam a fluir.

Aprendi a ECONOMIZAR minha ENERGIA pessoal. Quando percebo que há muito apego de egos ou , de quem vence quem , saio de cena para recarregar minha BATERIA ENERGÉTICA. Só volto quando posso resolver a situação OLHANDO DE CIMA, como numa imagem aérea.

Deu pra entender alguma coisa ?

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

FRASE E FOTO DO DIA




"Ser mãe é decidir para sempre ter o coração fora do corpo".

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

PENSAMENTOS PROATIVOS....



Pra reduzir minha ansiedade e mandar aqueles pensamentos ordinários embora, nada melhor do que uma sessão de TERAPIA MUSICAL, feita em casa , com MÚSICAS escolhidas a dedo...

Funciona assim :

- Coloco musicas que me trazem ALEGRIA.
ALEGRIA de verdade, aquela ALEGRIA que uma criança sente quando vai pela primeira vez a uma PRAIA, a um CIRCO, e sai por aí dançando....


- Fico imaginando CENAS FELIZES , CONFRATERNIZAÇÕES , MUITA PAZ E PROSPERIDADE.
Tipo comercial de margarina mesmo.

Uma das músicas que mais uso é essa :