sexta-feira, 31 de julho de 2009

DEBORA BLOCH E OS "MEUS MONSTROS INTERIORES"




"As pessoas acreditam que o amor é a solução para seus problemas, enquanto o amor é a recompensa por você ter resolvido seus problemas. Tem que estar bem consigo mesma para ficar bem com o outro."


Com esta frase da atriz Debora Bloch eu me lembro das tantas vezes que acreditei que o meu parceiro seria a solução para os meus problemas. Quando resolví encarar meus monstros de frente, a relação mudou da água para o vinho ( vinho do bom )


Vale a pena ler a entrevista toda da Debora,que é uma fã da terapia, no site da
REVISTA CLAUDIA

9 comentários:

Mônica disse...

Eu admiro o talento desta atriz debora Bloch.
Vou ler a entrevista .
Com carinho Monica

lika disse...

olá querida,que bom que vc viu isso á tempo de salvar a relação,nós mulheres temos que ter força de vontade e amor próprio,com certeza diz o ditado por trás de um grande homem sempre existe uma grande mulher,parabéns vc está no caminho certo...
tenha um ótimo final de semana
um abraço
lika

Sandra Timm™ disse...

Quando a gente não se ama, não se sabe amar.

émuito fácil atirar nossas espectativas sobre uma pessoa e esperar vir dela as soluções...

Fácil e totalmente estéril. Dali não virá nada! Só depende de nós.

Cynthia Barreto disse...

Acho que esta frase da Deborah Bloch está totalmente certa! Concordo com tudo...Beijinhos!!

Mônica disse...

Se puder va no Dona Perfeitinha verificar a minha entrevista
Com carinho Monica

Déia disse...

Fantástica essa frase... pena que tanta gente procura do lado de fora, coisas que certamente estão dentro de nós!
bjs

Nina disse...

Taí uma coisa Monica, que tem mt mulher precisando definitivamente aprender, viu? Vejo tanta mulher fazer bobagens em nome de alguem, que ela pensa que ama, qd na verdade, ela nao se ama a si mesma...

mas tbm acho que isso é coisa que se aprende com o passar do tempo,né?

Ana Filipa disse...

Obrigada pela sugestão! Já estou com uma aba para a entrevista. Eu acredito nessa metamorfose... estou no Caminho, sei que ela pode acontecer, que ela vai acontecer... até lá, continuo a Caminhada, às vezes, afastando pedregulhos, outras brincando com os pés na areia dourada do chão, outras olhando em volta, outras contemplando os Céus... Obrigada por reforçar a minha crença de que a metamorfose é uma realidade.

Anônimo disse...

INTERESSANTE, ACHAVA QUE DEBORA BLOCH FOSSE FILHA DE JONAS BLOCH E IRENE RAVACHE. MAS PARA MINHA SURPRESA, ELA NÃO É FILHA DE IRENE. ENTÃO FIQUEI MAIS SURPRESO AINDA, AO CONSTATAR QUE EM SUA BIOGRAFIA NÃO CONSTA O NOME DE SUA MÃE.