terça-feira, 15 de dezembro de 2009

CADERNINHO




"O grande aliado de quem sofre de TDA é um caderninho. Em qualquer lugar, eu anoto pensamentos que já deram origem a capítulos de livros. Mesmo para ideias sem sentido, é vital ter organização. Dali pode sair algo realmente inovador"


Ana Beatriz Barbosa Silva,
psiquiatra, autora do livro MENTES INQUIETAS

4 comentários:

Sandra Timm™ disse...

Também tenho meu caderninho.
Autodenomino-me a "rainha das listas"... rs

Temos que aprender a conviver com nossas limitações, né?

Beijo

aabaca disse...

Oi Mônica, obrigado por visitar o Aabaca e deixar seu comentário lá.

Contrariando-a em seu perfil, discordo de sua opinião. Ser jornalista diplomada é diferente de ser rabiscadora de palavras.

Acho que a profissão agora se valorizará mais, porque muitos se perderão nas palavras, por aí, deixando vagas aos que sabem redigir de verdade.

O TopComentadores que estava lá deu problema. Vou codificar outro em breve. Daí venho aqui te avisar.

Até mais.

Beta disse...

Oi Querida,

boa sorte na sua empreitada...
qualquer dúvida, crítica ou sugestão é só falar viu

Beijão

rosa disse...

oI mONICA, LINDA! OBRIGADO PELA FORCA, SINTO QUE SEREMOS BOAS AMIGAS, OBRIGADO TAMBEM POR FAZER PARTE DE MINHA VIDA.
NOSSA COMO E BOM ABRIR O BLOG E VER RECADINHOS CARINHOSOS, UM BEIJAO PARA VOCE. PASSE LA DE NOVO, POSTEI MAIS ALGUMAS COISINHAS.. INTEEEEEE!...