sábado, 5 de março de 2011

MINHA VIDA NÃO É UM COMERCIAL DE MARGARINA.




Adoro gente que não tem medo de se expor.
Muitas vezes são essas pessoas que conseguem mudar o mundo, pois falam o que as outras não tem coragem de falar.
Lendo o post da minha amiga virtual DAMA DE CINZAS em que ela fala da "falsa felicidade" que a mídia nos obriga a ver todos os dias,resolvi me "expor" e buscar "ajuda" virtual.
Porque a minha vida não é feita somente de viagens a cruzeiros.

Cada um tem as suas dores e delícias.E suas dificuldades.
Minha principal dificuldade (que tem me incomodado muito) é ser desajeitada com a cozinha e as coisas da casa. Meu sonho de consumo atual é poder lidar bem com a rotina de uma casa, sem perder a ternura.

Acho que fugi desse "assunto" durante anos por querer bloquear qualquer coisa que eu achasse que se pareceria com a "vidinha medíocre" que minha mãe levava com meus irmãos pequenos: totalmente dedicada ao lar,com meu pai dando as cartas.
Não.
Eu seria diferente.
Trabalharia fora,seria uma executiva famosa e rica,e nunca teria que me preocupar com isso.

Agora que minha empregada se demitiu para trabalhar numa escola,sinto um mixto de alívio e desespero.
Alívio porque eu acho o custo de uma empregada muito alto e adoraria poder economizar este dinheiro(principalmente para novas viagens).
E desespero porque sinto que não sei fazer nada na cozinha comível.

Sim,assumo que QUERO ajuda.

Sei que esta vida de DONA DE CASA PERFEITA não existe(nem eu quero passar o restante dos meus dias pensando nisso).
Mas quero aprender principalmente a me ORGANIZAR no básico, para ter uma vida mais leve(e o bolso um pouco mais cheio,porque isso pra mim é muito importante).

Qualquer DICA de ORGANIZAÇÃO DE UMA CASA,de CULINÁRIA (básica) e de COMO TORNAR SUA CASA MAIS ACOLHEDORA,que vier com afeto e não com julgamentos,será muito bem vinda.
Estou disposta a aprender.Sempre,e com muito boa vontade.

9 comentários:

Dama de Cinzas disse...

Obrigada pela referência ao meu post, muito legal da sua parte!

Quanto a ser dona de casa. Nossa! Sabe que as vezes me sinto mega culpada por não ter nenhum jeito com nada de casa. Meu apartamento parece o apartamento de um homem, sem enfeites, sem paninhos, sem florzinhas, sem vazinhos... eheheh... Tudo nude, neutro... ahah.. Tudo básico demais. E não sinto o mendor ânimo de ficar comprando coisinhas pra enfeitar a casa. Pra mim o lugar onde moramos tem que ser funcional e ponto.

Mas eu gostaria de ser mais um pouco cuidadosa, dar um toque mais feminino.

E quanto a cozinha, sou uma negação completa. O que me ajuda é que moro sozinha, então trago tudo do restaurante, almoço e jantar.. rs

Beijocas

Gina disse...

Monica, te entendo perfeitamente!
Já a minha geração não se conformava em trabalhar apenas em casa e, entre estudos e trabalho fora, os serviços de casa foram deixados de lado.
Confesso que, quando casei, não fazia quase nada na cozinha, mas fui à luta e também me adaptei algumas vezes aos almoços fora de casa, sem culpa!
A família gosta de bolos e tortas salgadas? Esses são os pratos mais fáceis de fazer. Experimente receitas de liquidificador!
Qualquer coisa, estou à disposição.
Bjs.

orvalho do ceu disse...

Olá, querida
De fato vc tem toda razão, passar a vida a trabalhar sem medir esforço e sem ter alegria interna e externa é bem complicado... acredito que o tempo nos ajude muito a saber dividir-nos para nós,para os demais a quem amamos e para o lar... afinal não podemos ser integradas sem um equilíbrio no todo...
Estarei oferecendo um Retiro Espiritual em meu Blog de Dommingo à Terça... é tempo de reflexão!!!
Seja muito feliz e abençoada!!!
Bjs de paz

Célia Regina disse...

Felicidades muitas por todo esse dia! Um abraço

Tatá Hermes disse...

Monica,

Eu sou um fracasso quando o assunto e organização em casa. Mas se vc quiser umas dicas de culinária eu dou com prazer!
bjs

Bel disse...

Não sou capaz de dar instruções nesse assunto, sorry.

Mas posso repartir minha experiência: Pedir a Deus para que seja verdadeira em minha vida a letra da canção:

"Minha casa será uma casa de bênção,
minha casa será um pedaço do céu.
Nela estarão reunidos adoradores
Que só exaltam o Deus verdadeiro e fiel.
Minha casa será reconhecida
Como um lugar de milagres e oração
Onde Jesus tem prazer em ficar,
Onde o Espírito Santo habita,
Onde há prosperidade, amor e vida!

Faça do meu lar, Senhor,
Um lugar de harmonia.
Faça do meu coração tua casa todo dia.
Esteja à vontade pra ficar e nunca mais partir
Pois a casa que um dia te recebeu
Nunca mais poderá viver sem Ti."

Joia disse...

Oi Mônica,

assim que a gente decide mudar alguma coisa, os caminhos ja vao aparecendo. Foi assim para mim com o mesmo problema que você cita. Sem criança parece que eu podia ainda nao cuidar de quase nada sem muitas consequencias, depois disto... uma amiga me falou meio em segredo das "flyladies", um site americano (flyladie) de organizaçao domestica e pessoal, sem sofrimento e sem fazer como a minha mae... tem forum de apoio em português, as "flybabies do Brasil". Esta amiga me contou que tinha começado a usar o método quatro meses antes, tinha mais tempo para ela e tudo estava rolando bem, mas nao contava com medo de parecer antiquada! Testei e aprovei, vai dar uma olhada se serve para você. A idéia é simples e cheia de astucia.
Depois, quanto à cozinha, tem uns sites bacanas para a vida de todos os dias, se te interessa, envio o link.

Beijos e boa sorte, querer topar a casa é mais uma etapa na autonomia da mulher, nao depender sempre de uma "assistente"! E quanta economia!
Joia.

joiarara_fr@yahoo.fr

Aline disse...

Oi Monica!
Acabei de conhecer seu blog, gostei dos seus textos..

Sabe, cuidar da casa não tem segredo não, basta você seguir a máxima: "Me sinto bem dentro da minha casa?"
Não existe regra quanto a isso, quanto a decoração, a enfeites... O essencial é você poder sentir que sua casa é o seu porto seguro, e independente de onde vá, retornar será sempre prazeroso.
Algumas pessoas pensam que minha casa é toda decorada, colorida, cheia de coisas.. Mas na verdade tenho o básico, meus enfeites são aqueles que tem uma história e alguns detalhes são pitacos do marido. Ele por exemplo, tem um quadro-poster do filme "O poderoso chefão", quando compramos ele disse que não queria dependurar, que achava que ele ficava legal no chão encostado na parede, já que é grande. E deixamos ele ali, enfeitando. E não há uma pessoa sequer que venha aqui em casa e não pergunte: "E esse quadro? Não vão dependurar?" rsrs...
A gente dá risada com isso.
Mas é isso, fazer o que te agrada.
Quanto a cozinha, comece com pratos fáceis e você vai ver que aos poucos vai ganhar confiança. Com esse santo google, qualquer coisa que você imaginar e jogar vão aparecer 1.000 resultados!

Beijokss

Anônimo disse...

A VERDADEIRA RAINHA DO LAR...


Lava...
Passa...
Cozinha todo dia

Empregada doméstica
de dia e de noite
na lida frenética


Limpa...
Esfrega...
Aria todo dia

Da pia até o fogão
vinte vezes seguidas
sem nenhuma reclamação

Varre...
Junta...
Pendura todo dia

É toda uma repetição
de ordens diárias
obedecidas com perfeição

Mais que seus patrões
a rainha do lar
trabalha com os corações
quando fica a cantarolar

Pela casa vai levando
sua energia e vontade
sem ver o tempo passando
regando a casa de felicidade

Acorda cedinho pra passar o café
o sol ainda nem raiou
faz sua oração já de pé
quando ninguém ainda levantou

É por demais importante
a sua categoria vale ouro
na vida de muitos é operante
vivenciando o amor e também a dor

Que seja mais reconhecida
e ainda mais valorizada
aquela que é mais que uma amiga
dentro de muitas casas

Aquela que é uma mãe prestimosa
para filhos de profissionais
e pais que trabalham fora

A Rainha do Lar