sábado, 23 de julho de 2011

Essa é uma das minhas....



"Sempre fui extremamente econômica.Sou até meio chata.Não gosto de desperdício de água,de gás.Tento puxar as contas para baixo,comparo preços.Nunca fui de entrar num shopping e sair gastando.Com a vinda dos bebês,isso se intensificou.A calça ficou pequena? Tesoura nela e vira bermuda.O body não entra? Tesoura no body,vira camiseta.As babás riem: "Parecem crianças de beira de estrada." Eu respondo que vão viver como eu vivi,e eu estou aqui,forte e saudável.Pretendo investir muito é nos estudos e nas viagens.Vou me virar para irem para a melhor escola,aprender quantas línguas quiserem.Mas a roupinha da hora não vão ganhar uma todo dia.Os limites vão ficar bem claros."

A atriz Fernanda Lima,numa entrevista a Revista Claudia,falando sobre a dureza que já passou na vida que a tornou uma consumidora consciente hoje em dia.

8 comentários:

Carolina disse...

Hummm gostei. Isso éo que eu chamo de sustentabilidade domiciliar eficaz.

bjos

Solange disse...

muito bom..saber que ainda existem pessoas assim, que priorizam uma boa educação

bjs.Sol

CasaMila.com disse...

que fofos.....

BJsssssssss

Pelos caminhos da vida. disse...

Nos dias de hoje é difícil ainda encontrar pessoas que são assim.

beijooo.

Sonhos & melodias disse...

Oi Monica,
Também penso como ela. Acredito que tive uma infância assim. Passei pra conhecer seu espaço, um pouco de você e agradecer sua visita e comentário. Apareça sempre que puder. Parabéns pelo seu blog que é bem legal e trás temas inteligentes e com bastante conteúdo. Estrei sempre por aqui.
Bjs

Mi estilo, mi moda!!! disse...

Tbm sou quase assim...risos...
Besos de Buenos Aires
Dani

Luciana BLAGITZ disse...

A vida realmente é feita por altos e baixos, os pequenos,por amor precisam aprender a driblar momentos
difíceis que todos passaremos,será inevitável.Meu filho tem sete anos,é lindo,saudável,educado,generoso,manhoso como bom filho único e conhece bem os nossos limites como pais e o seu vem aprendendo diariamente.Foi criado somente com o necessário e quando pede algo que não vmos dar e ouve um não,lida com a situação numa super boa.Não estou criando menino imediatista,o meu filho graças a Deus sabe esperar.Roupa transada eu mesma customizo e fica tudo de bom.A Fernanda é das minhas, minha prioridade é dar boa educação(escola de qualidade) e muito amor...com paciência, mansidão e um NÃO na hora certa
fica tudo bem.

Graça Paz disse...

Gostei muito deste bocadinho e o Eat Pray and love é dos melgores livros que ja li.

Um beijinho de Portugal

Graça Paz