quarta-feira, 6 de julho de 2011

ESTOU ME SENTINDO UMA SOGRA!



Sim.
Estou me sentindo uma sogra.
Sogra rima com droga.

Sentir-me sogra é achar que ela é mais bonita e mais nova do que eu.
É sentir-me neuroticamente infeliz achando que meu filho não liga mais pra mim.
Ou melhor:só liga quando precisa pedir dinheiro.

Sogra lembra velhice.
Lembra rabugiche.
Lembra aquela mulher que não se resolve na vida e vive querendo viver a vida do filho.

Hoje ele me disse que eu não quero "aceitar" que ele cresceu.
Que estou fazendo um "drama" por ele estar namorando.
Parece diálogo de novela mexicana das nove.
De repente virou "se achão".
Se não fosse eu a mãe,xingava logo de filho "daquela".
Ou então de Filho da Sogra.

4 comentários:

Celina Dutra disse...

Ver filhos e netos crescerem não é das coisas mais agradáveis na vida. Mas é inevitável.
Assim, o jeito é conviver da melhor forma possível com esse crescimento (escrevi isto para mim!)

Girassóis nos seus dias.

Excelente fim de semana!

Beijos

Bernadete disse...

Gostei muito do seu blog. Já o vejo há um tempo.
Agora que fiz o meu estou te seguindo e voltarei sempre.

Aguardo visitinha também.

Quanto à sogra, deve estar sentindo a famosa 'síndrome do ninho vazio'... também estou passando por isto e tentando me superar.

Beijos

Bernadete
http://www.detemiranda.blogspot.com/

Mônica disse...

Eu estou imaginado quando os meus sobrinhos apresentarem as namoradas pra minha cunhada.
Vai ser um Deus nos acuda!
Com carinho sua amiga Monica

Nita disse...

Temos que aceitar que a vida é assim!
Beijinho e bom fim de semana.