sábado, 30 de outubro de 2010

DICA DE LIVRO



Um livro que está me surpreendendo pela profundidade é o livro de "auto-ajuda"
UM DIA MINHA ALMA SE ABRIU POR INTEIRO.

A obra conta a experiência de vida da autora Iyanla Vanzant , no seu processo de cura interior.

A riqueza que percebi lendo cada capítulo é a transparência e humildade de Iyanla, que não pretende se mostrar superior a ninguém, nem quer parecer ser perfeita hora alguma. O tempo todo ela mostra sua vulnerabilidade e sua persistência para se tornar uma pessoa melhor.

Ao mesmo tempo, o livro tem a proposta terapêutica de 40 dias e 40 noites para transformação pessoal . É daqueles que vale a pena ter em casa para consultar de vez em quando . Estou amando.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

FESTA NA EMPRESA







E depois tem gente que não acredita em SINCRONICIDADE.

Vocês estão de prova de quantas vezes já indiquei e dei de presente o livro da FLAVIA MARIANO, MINHA MÃE ME ENSINOU A SONHAR.

Pois é, sou fã da escritora há algum tempo e vivo divulgando o trabalho dela . Todo mundo que lê o livro indicado por mim me agradece a indicação depois.

Qual não foi a "jesuscidência", a mãe de FLÁVIA , que estava em Vitória, procurava uma produtora de video para gravar uns programas , e acabou vindo "parar" logo onde : na empresa AUDIO VISUAL, que "por acaso" é minha e do meu marido !

A gravação com FLÁVIA foi uma festa. Todos ficaram encantados com sua simpatia. Encontrei uma antiga querida colega de pós-graduação, a jornalista RAQUEL GUERRA, e conhecí MIRIAM MACHADO , a mãe de FLÁVIA , uma pessoa pra lá de especial. Realmente , MIRIAM tem o perfil da mãe que faz um filho , não somente sonhar, mas também a acreditar e trabalhar pelo seu sonho.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

PEQUENAS ATITUDES



Ultimamente tenho lido muito o Blog da CAROL DAEMON, que fala muito sobre sustentabilidade.

Fiquei impressionada em como acabamos contribuindo sem querer para "alimentar"um sistema perverso que detona nossos recursos naturais.

Através do BLOG , lí matérias impressionantes sobre a HIDROPIRATARIA que as grandes fábricas de refrigerante fazem com as reservas de água naturais .Comecei a questionar que estou pagando por refrigerantes, águas tônicas que,de naturais não tem nada, e sustentáveis muito menos.É uma relação ganha-perde (sendo que quem sempre perde sou eu ).


O PROJETO ÁGUA NA JARRA tem vídeos reveladores para nos instruir melhor.

A única atitude que pude tomar até agora, dentro do meu considerado "limitado" jeito de ser , foi começar a pedir sucos naturais na hora da diversão.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

LER FAZ CRESCER



Encontrei hoje a propaganda em uma revista :

O Banco ITAÚ está com um projeto bacana , de doação de livros ( quantidade limitada ) , para estimular adultos a lerem pra crianças.

Acho que ainda dá tempo de pedirem o KIT de livrinhos infantís, pelo site, sem custo , que será entregue em casa.Clique no site do ITÁU:

www.itau.com.br/lerfazcrescer.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

BOM PRA ALMA



É encantador voltar a ouvir as músicas de KENNY G,anos depois, com outro "olhar".

Encontrar em suas músicas, pontos comuns em todas os seres humanos, todas as religiões e crenças, todas as línguas e nações.

Uma música que me faz imaginar lindas cenas é GOING HOME :

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

INSPIRAÇÃO DE PROFESSOR E LIVRO




Todo mundo já teve alguma inspiração de professor na vida.

Minha melhor inspiração de professor aconteceu no primeiro semestre da faculdade de Letras, na matéria Sociologia.

Jaime não era um professor de Sociologia convencional. Desde o primeiro dia de aula, coube a ele mostrar que podíamos nos tornar pessoas bem melhores do que éramos. Mesmo quando questionado sobre o seu jeito irreverente de dar aula , Jaime mostrava que sua proposta de ensino era relevante e tinha um propósito mais do que sério .

Foi através do professor Jaime que conheci a proposta do terapeuta Carl Rogers, autor do livro TORNAR-SE PESSOA. Depois disso, o interesse pela terapia rogeriana foi um pulo. E com a terapia rogeriana , descobri mais sobre mim mesma do que sabia há anos.

Um professor afetivo e profissional naõ nos ensina apenas conteúdos. Ensina também novas FORMAS de lidar com as adversidades, aumentar nosso potencial como seres humanos. E esse tipo de pedagogia é inesquecível.



Homenagem ao professor Jaime Doxsey, que me mostrou que eu podia tornar-me pessoa bem mais realizada.

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

A VITÓRIA DA VIDA



De tudo o que vi acontecer este ano , esta vai ser a imagem que vou querer guardar na memória pra sempre : a dos mineiros sendo resgatados e celebrando a vida .

Vou usar esta história deles como "METÁFORA" , de que ainda é possível acreditar, e "de que tudo acabará bem".

Graças a persistência, disciplina, muita fé e uma atitude mental positiva, os personagens desta "tragédia-aventura" conseguiram voltar para suas famílias para poder continuar sua história. Se eles puderam, nós também devemos acreditar.

Quem falou sobre isso de uma forma poética e bacana foi ARNALDO JABOR , no PODCAST da CBN.Vale a pena ouvir e ler seu texto .

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

RESOLVER




Há alguns anos li uma ótima história em um jornal. Duas mulheres observam duas crianças brincando no parque . As crianças começam a brigar e uma delas diz:

- Eu te odeio. Nunca mais eu brinco com você.

Por dois ou três minutos, no máximo , brincam separadas.
Logo estão juntas de novo. Uma das mulheres comenta:

- Como é que as crianças conseguem se reconciliar tão depressa ?

A outra responde :

- É fácil . Elas abrem mão da justiça em favor da felicidade.

Este é o conselho que eu dou as pessoas : colocar a felicidade acima das opiniões. Mesmo que tenha certeza do seu ponto de vista, não bata pé. Diga simplesmente o que acha o que o outro tem a dizer. Não se trata de vencer, como em uma queda de braço, mas de buscar em conjunto construir a felicidade no casamento.


Trecho do livro: OS CAMINHOS DO CORAÇÃO , de Richard Carlson e Benjamin Shield.

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

VÍNCULOS....




A maioria de nós define um "bom dia" como aquele em que todas as coisas aconteceram como "queríamos".Consideramos a verdadeira vida como uma em que "nossos" sonhos pessoais se realizaram. Não nos preocupamos se milhares de pessoas vão para a cama , todas as noites, famintas e desesperadas, contanto que elas se mantenham longe de nossos olhos e nos deixem em paz.

Não nos importa se as crianças do mundo estão sendo espancadas ou não são instruídas adequadamente. Nossos filhos estão plenamente desenvolvidos e vão indo bem, e não temos responsabilidade pelos outros. É somente quando as crianças famintas nos agridem para roubar, ou somos maltratados ou aterrorizados em nosso lar , que compreendemos a vinculação de todas as coisas. Não há lugar pra se esconder. Ninguém é culpado. Todos somos inocentes em um curso sempre mutável, pelo qual cada um de nós e responsável . É uma ilusão acreditar que a paz existirá sem todos se moverem juntos com a corrente, em união , alegria, admiração e amor..."


Trecho do livro : ASSUMINDO SUA PERSONALIDADE , de Leo Buscaglia.

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

ANTICÂNCER



"Uma mudança se produziu em mim e ela parece irreversível. As questões de prestígio, de sucesso político, de status financeiro se tornaram instantaneamente secundárias. Nessas primeiras horas em que compreendi que tinha câncer, não pensei nem um pouco no meu cargo de senador, na minha conta bancária ou no destino do mundo livre....Desde que minha doença foi diagnosticada, minha mulher e eu nunca mais discutimos. Eu tinha o hábito de criticá-la por apertar o tubo de pasta de dentes pelo alto em vez de pelo fundo, por não se preocupar suficientemente com meu apetite exigente, por fazer listas de convidados sem me consultar, por gastar demais em roupas. De agora em diante, eu nem sequer reparo neste tipo de detalhe, eles me parecem sem importância....

Em vez disso, descubro um prazer novo em coisas que me pareciam antigamente corriqueiras- almoçar com um amigo, afagar as orelhas de Muffet e escutá-lo ronronar, compartilhar a companhia da minha mulher, ler um livro ou uma revista sob a luz tranquila do meu abajur de cabeceira, correr para a geladeira em busca de um suco de laranja ou de uma fatia de bolo. Estou certo de que é a primeira vez que saboreio a vida. Me dou conta finalmente de que não sou imortal. Tremo à lembrança de todas as ocasiões que desperdicei- mesmo quando estava no auge da minha forma- por conta de um pseudo-orgulho, de falsos valores e confrontos imaginários"


Trecho de um dos livros que estou lendo, ANTICÂNCER , de DAVID SERVAN-SCHREIBER.

Eu me pergunto :

Vamos ter que esperar ter câncer para vivenciar tudo isso ?