terça-feira, 30 de dezembro de 2008

LIVRO ANTENADO PARA MULHERES ANTENADAS



Uma das coisas que quero "agradecer" é por ter lido em 2008 o livro "APOSENTADA FICAVA A SUA AVÓ", de Mara Luquet e Andrea Assef, indicado por uma amiga terapeuta . Separei alguns trechos que merecem ser divulgados :

Veja o que diz o dicionário : aposentadoria é "estado de inatividade de funcionário público , ou funcionário de empresa particular, ao fim de certo tempo de serviço, com determinado vencimento".É com isso realmente que você sonha ? Inatividade ? Pois justamente quando teremos um bom dinheiro em caixa querem que fiquemos inativas ? Não, não e não. Por isso, nossa proposta é : esqueça esse "blá, blá, blá" de aposentadoria e conquiste sua independência financeira.

Em vez de adiar sempre o início de sua carteira de investimento porque não tem dinheiro sobrando, faça a operação inversa : comece pagando a você primeiro. Mesmo que não tenha os 10% , comece com 5% do que você ganha, ou mesmo 1% , mas comece. Sua força de vontade vai aumentar ao longo do tempo, quando você notar que o seu dinheiro está crescendo a olhos vistos, e você começou a criar sua própria riqueza, e não apenas a das empresas de cartões de crédito.

Como diz o psicólogo Daniel Gilbert, professor de Harvard, e autor do livro O QUE NOS FAZ FELIZES, os publicitários deveriam nos dizer onde encontrar o melhor produto ao melhor preço. No entanto, eles estão indo muito além e nos dizendo o que consumir e que estilo de vida adotar. Isso não é nada bom.

Descuidar de si mesma será um erro grave. Não será bom para você nem para seus filhos. Lembre-se : eles vão crescer e vaõ ter a própria vida, quer voce queira, quer não. Quando falamos que você precisa se cuidar, isso tem um caráter mais profundo do que comprar roupas novas, cremes maravilhosos, sapatos e bolsas. A cultura de consumo nos fez acreditar que vamos viver melhor com nosso armário cheio. De fato , iríamos, não fosse por um detalhe : consumo desenfreado pode nos deixar em apuros, com olheiras, unhas roídas, estresse que marca a pele e muitas rugas de preocupação para pagar o cheque especial , o cartão de crédito e aquelas parcelas que nunca terminam.


Agora também virei fã da Rádio CBN, onde Mara Luquet sempre dá dicas de finanças pessoais. A informação é o primeiro passo para uma vida mais 'digna' e de qualidade.

Agora , aqui vai uma pergunta que vai virar uma outra PROMOÇÃO : O QUE VOCÊ FAZ PARA ECONOMIZAR DE MODO CRIATIVO ? A melhor idéia vai ganhar um SUPER-BRINDE do INVENTADEIRA DE MODA !

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

DIÁRIO DE GRATIDÃO



Há três dias atrás comecei um DIÁRIO-RETROSPECTIVA-DE-GRATIDÃO. Agradecendo a DEUS por tudo o de bom que acontece em minha vida todos os dias. Sugestão da minha "amiga" Oprah, gente( tudo o que ela faz eu acho lindo rsrs)

Brincadeiras a parte, quero agradecer a DEUS que finalmente os brindes chegaram na casa da Cláudia, do http://clima65.blogspot.com/ ,ganhadora da promoção que o INVENTADEIRA DE MODA fez.

Breve teremos mais promoções, e quero todo mundo participando.

Cláudia, você é uma pessoa muito especial e versátil ! Seu Blog merece se conhecido por muita gente !

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

MEU AMIGO X DA CIRANDA DA BLOGS É UM VERDADEIRO PRESENTE DE NATAL !



Olá leitores(a) do blog Inventadeira de Moda.

Sou Paulo Oliveira do blog Design: Ações e Críticas e, participando da Ciranda de Blogs, fui presenteado em “tirar” a Mônica.

Vasculhando este espaço para conhecê-la um pouco e saber sobre o que escrever percebi que temos muito em comum, assim como com muitas de vocês que pude perceber pelos comentários. Inclusive com o link deste blog onde temos “reler a vida”. Então resolvi fazer um apanhado de temas já expostos aqui para este post presente. Peço desculpas se acabar ficando meio longo o post, mas quem me conhece sabe que quando começo a escrever a coisa vai longe.

Há uma frase de Luthero que gosto muito e que foi - e é - importantíssima em minha vida:

“Sei que já não sou quem eu era, mas também sei que ainda não sou quem eu deveria ser”Quando li isso, logo após a minha dolorida conversão, foi um choque. Eu vinha de uma vida mundana, estava totalmente afastado de – na verdade brigado com – Deus e nada disso me interessava. Até o dia em que o meu castelo desmoronou por completo. Crise existencial, forte depressão, separação, enfim, tudo o que vocês já devem ter passado ou conhecem alguém que já passou.

Voltando a viver com meus pais percebi que algo me faltava, um vazio enorme tomou conta de minha vida, algo estava dilacerado e sangrava dentro de mim até que cedi à insistência de meus pais e fui acompanhá-los a um culto na igreja da qual participam até hoje.

Confesso que cheguei lá não me sentindo nada bem, mas durante o culto e a pregação, por mais que eu tentasse não prestar atenção no que o pastor falava e no que acontecia ao redor, em determinado momento uma simples música dessas de louvor – corinhos – me pegou de jeito:

“Eu quero ser, Senhor amado, como um vaso nas mãos de um oleiro. Pega a minha vida, e faze-a de novo. Eu quero ser, eu quero ser, um vaso novo.”

Isso bateu tão forte que comecei a chorar copiosamente e tive de ser retirado para uma sala onde dois irmãos da igreja ficaram orando comigo. Pode parecer estranho como uma simples música pode “pegar” alguém de jeito. Explico: eu tinha acabado de abandonar a minha sonhada faculdade de música no último ano e este louvor foi feito pelo coral e orquestra da igreja.

Deus usa cada caminho para chegar até nós...

SIM! Eu precisava com urgência de DEUS em minha vida. Precisava do Deus de amor, de paz, de sabedoria, do Deus de tudo, pois quando tive a oportunidade de chegar até Ele por amor, recusei e acabei chegando até Ele pela dor – não indico a ninguém essa última.

Passado algum tempo fui a um encontro – acampamento – da igreja e neste espaço “trombei” com a citação de Luthero que coloquei no início do post. Mais um chororô daqueles ao começar a analisar a minha vida pregressa: quem eu fui, no que fui me transformando, porque me transformei daquela forma, minhas conquistas e derrotas, o que eu era naquele momento, o que eu desejava para o meu futuro. Nossa como aquilo foi doído. Ali entendi muitas coisas de minha vida, as tais barreiras já citadas pela Mônica aqui neste blog, que me impediram muitas coisas, me fizeram temer, por vezes ser covarde, recusar propostas... Não sei dizer como eu seria hoje se no lugar de tantos “nãos” eu tivesse soltado alguns “sins”. Mas tenho certeza de que fiz escolhas erradas e que, principalmente, a cada passo de minha vida Ele estava sempre ao meu lado mesmo que eu o recusasse ou ignorasse.

Isso me lembra também uma cena de um filme desses de sessão da tarde, comunzinho e bobinho, mas que tem uma marcação maravilhosa próximo do final: "Cuidado que a mamãe atira". Quem já assistiu? Isso foi um grande amigo meu quem me contou há alguns anos. Sabe aqueles amigos que parecem anjos enviados por Deus para fazer parte de nossas vidas? Pois é, eu já encontrei o meu.

Em meio àquela coisa “comédia” tenebrosa regada à “maravilhosa” interpretação de Stallone, eis que a mãe dele lhe dá um toque quando percebe que ele está com medo de assumir a relação com a protagonista. Ela diz mais ou menos isso:

“Quando chegar a aurora de minha vida e eu estiver lá na janelinha de minha casa vendo a vida passar diante de meus olhos na rua quero poder olhar para trás e perceber que não tive medo de nada. Não quero chegar a este ponto com arrependimentos por não ter tentado e com aquela sensação de “como seria minha vida hoje se eu tivesse aceitado ou feito aquilo?”.

A dúvida que vai nos corroendo, minando nossa vida, nos entristecendo a cada dia e, lá na aurora de nossa vida, nos faz sentir frustrados.

Ligando Luthero com essa parte do filme comecei a analisar a minha vida toda com seriedade e de frente. Sem melindres, sem medos, sem “achismos” para tentar justificar os porquês de algumas coisas terem dado errado em minha vida.

É fácil fazer isso:

- Antes de mais nada, lembre-se de orar e pedir orientação a Deus sobre o que vai acontecer a seguir.

- Pegue seus álbuns de fotos desde a infância e selecione uma para cada semestre de tua vida. Coloque-as num álbum por ordem cronológica.

- Depois comece lá pela primeira e tente se lembrar daquela época, das coisas boas e ruins que te aconteceram. Faça isso sucessivamente até a mais atual.

- Se quiser pode ir anotando suas impressões numa caderneta.

- A cada lembrança que te perturbe, ajoelhe-se e entregue-a nas mãos de Deus, confiante de que Ele tudo faz e fará por ti. Se essa lembrança começar a te perturbar, sempre que perceber que ela está começando a surgir, ajoelhe-se e entregue nas mãos de Deus.

- Não precisa fazer esta análise de uma só vez. Pode trabalhar como se estivesse lendo, degustando deliciosamente um livro, capítulo a capítulo.

- Finalizando cada “capítulo, ore novamente agradecendo a Deus pela experiência e coloque todas as experiências ruins nas mãos d’Ele, confiante.


Vai chorar? Ah te garanto que vai sim e muito. Seja de tristeza, dor, alegria, emoção, felicidade...

Neste trajeto encontrei muitos bloqueios meus que tiveram início com o “bullyng” que sofri por anos na fase escolar. Outras já na fase juvenil, outras na fase jovem e outras na fase adulta. Coisas sérias e dolorosas que me machucavam e sangravam até aquele período. Todos vão encontrar essas feridas abertas em suas vidas e cabe a cada um entrega-las nas mãos de Deus.

“Não temas, crê somente” diz a Palavra a todo instante.

Portanto levante a cabeça, “seja homem” e encare a sua vida, que é como é por suas próprias escolhas. Não foram as pessoas que te fizeram assim, foi você mesmo(a) através de tuas escolhas pessoais, tenham sido estas feitas por quais motivos foram.

Natal é tempo de reflexão. É tempo de olharmos para Jesus e nos recordar de tudo o que Ele viveu, passou e sofreu por cada um de nós. É o momento de entender e festejar a Aliança da Boa Nova : “O Menino nasceu numa mangedoura! Glorificado seja Deus nas alturas e paz na terra aos homens e mulheres por ele amados”.

“Um Menino nos foi dado” na sua Aliança de Amor com cada um de nós e com toda a humanidade para que conquistemos uma vida plena na justiça e fraternidade.
Nesta Aliança, deu-nos um Salvador, seu Filho, aquele que redime e livra de todos os pecados, nos limpa e purifica para que nos tornemos sempre mais seus filhos e como filhos, irmãos uns dos outros.

Portanto, fica aqui o meu presente de Natal a todos vocês. Um exercício individual e simples de fazer que, se encarado com seriedade e fé pode te trazer muitos benefícios e alívios. Muitas feridas serão curadas, pode ter certeza e, como colocou a Mônica num post anterior, “te fará mais leve”.

Faça esta faxina em sua vida, redecore a sua história, dê-se de presente um “novo design” através desta experiência.

Prospecte-se para 2009 como um novo ser, de alma lavada e em paz consigo mesmo.

Não é ótimo pensar em iniciar 2009 mais leve, tranqüilo(a) e de bem com a sua vida?

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

MATANDO QUEM TE MATA



Este ano todos os porteiros do condomínio onde moro, ao invés de ganhar caixas de bombom de presente , ganharão de mim VELAS DE CITRONELA. Quem conhece Vila Velha, a cidade onde moro, onde o "mosquito" é tão popular e importante que uma vez chegou a ganhar as eleições para prefeito, sabe que isso não é mais uma "loucura monical", nem nada supérfluo.

Tenho certeza que ajudarei a salvar muitas vidas com esta "CAMPANHA DE NATAL"

Beijim

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

RESULTADO DO CONCURSO



Meninas,

A ganhadora do concurso foi CLÁUDIA LIMA, do BLOG http://clima65.blogspot.com/ Ela vai receber o KIT AUDIO VISUAL na sua residência, em Orlando, USA, dentro de alguns dias....

Claudia, assim que voce receber, fotografe e mande para a gente ver, ok ?

Quero agradecer muuuuuuuuuuito todas que participaram, e com certeza, adoraria dar um brinde para cada uma....

Breve vocês saberão as novidades do "futuro projeto", e enquanto isso, por favor, muitas orações e vibrações positivas.....

Fiquei muito feliz em ter conhecido tanta gente bacana e idealista, e tenho certeza, que já conseguimos desviar nossa mente para um foco mais positivo para este final de ano.

Como esta é a minha primeira experiência em concursos e sorteios, espero que me desculpem qualquer falha que possa ter havido, por exemplo na demora da divulgação do sorteio.

Obrigada hoje e sempre.

domingo, 30 de novembro de 2008

PROMOÇÃO BLOG INVENTADEIRA DE MODA



Amigas leitoras e blogueiras...

Estou precisando montar um ACERVO com 10 FIlMES e 10 MÚSICAS INSPIRADORAS PARA O BEM, O BOM, E O BELO.

É um projeto pessoal, que tem a ver com um sonho pessoal, que depois eu conto com calma (algo bem bacana que tem a ver com um Brasil melhor)

Para isso, o blog "INVENTADEIRA DE MODA" está lançando um "concurso", ou melhor , um sorteio-concurso.Quem quiser participar, é só enviar no comentário , ou por e-mail uma lista de 10 filmes e 10 músicas ( 20 ítens ao todo ) que tragam sentimentos "positivos" e inspiradores para sua vida.

Até dia 06 será sorteado um número, a ganhadora ( sim, porque o brinde-surpresa é para uma "mulherzinha" ) receberá em casa, pelo Correio um brinde da empresa AUDIO VISUAL PRODUÇÕES www.audiovisualpro.com.br .

As músicas e filmes devem "inspirar" qualquer uma das seguintes palavras :

- CRIATIVIDADE
- BONDADE
- AMOROSIDADE
- BELEZA
- EXPANSIVIDADE
- ABUNDÂNCIA
- RECEPTIVIDADE

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

EU FAÇO À MINHA MODA

Eu faço à minha moda - Clique e participe!

Achei bem criativa a campanha do BLOG BANANA CRAFT, com um texto estimulante.Olha só o trecho :

É ter personalidade para acreditar no seu gosto, apesar do que dizem os editoriais de moda ou os comerciais da TV. É rir dos seus defeitos e aprender com os erros. É dar de ombros para tudo que é pré: pré-pronto, pré-escolhido, pré-arrumado, pré-cozido, pré-moldado, pré-conceito…

Eu faço à minha moda quando prefiro ler um livro ao invés de ver novela. Quando como pão integral ao invés de pão francês. Quando escolho pelo visual e não pela marca. Quando escolho pelo conteúdo e não pelo visual. Quando faço bolo de receita ao invés de comprar o de caixinha. Quando vou para praia no inverno, ao invés de no verão. Quando faço ginástica para ficar saudável e não para emagracer. Quando compro algo feito a mão, no lugar de um produto industrializado. Quando não repito notícias sensacionalistas que ouvi no noticiário, eu faço à minha moda.


Tem tudo a ver com este Blog e a dona dele...
Participem desta campanha também...

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

AUTO-MOTIVAÇÃO PARA UM MUNDO MELHOR



Minha "compulsão por livros" me faz descobrir obras que jamais encontraria , se não fosse minha curiosidade, e as promoções, claro.

Uma obra "garimpada" foi o livro de Aldo Novak, "O SEGREDO PARA REALIZAR SEUS SONHOS". Se eu soubesse que era tão bom , teria comprado um pra cada pessoa que eu gosto e daria de presente.

É uma versão do livro SEGREDO original, que me chamou atenção por falar de assuntos que eu já tive a chance de experimentar.

Um dos "exercícios" é anotar 10 filmes ( todos com final feliz) que vão ajudar a gerar emoções positivas e que tenham algum tipo de relação direta ( ou indireta ) com o seu sonho.

O outro exercício é anotar as 10 músicas que irão ajudar a gerar as associações positivas com o sonho. "Podem ser trilhas musicais de filmes, ou canções cujas letras motivem o dia, alegrem a vida", escreve Aldo.

Estou fazendo a minha relação de filmes e músicas. Quero também a opinião de vocês, para garimpar "pedras preciosas" nesta área .

terça-feira, 25 de novembro de 2008

LIVROS E MAIS LIVROS













Preciso desabafar : este ano me tornei compulsiva por livros.Viciada, mesmo.

Agora o site Submarino me aparece com umas ofertas tentadoras, de Best-Sellers a R$ 9,90. Livros que eu acharia caro e poderia nunca ter a chance de comprar , porque teria outras prioridades.

Não resistí. Comprei dez livros . Lindos. Maravilhosos.Encantadores.Em 10 vezes de 10
e pouco por mÊs.

Sei que tinha prometido para mim mesma até o fim do ano não ter outro "surto compulsivo livral" desses, mas estou muito, muito feliz.

Cada um com seus vícios, temos que respeitar, não é mesmo ?

Pra me consolar, o colega Patrick fala :"Cerveja gasta muito mais, e não tem retorno"....

Obrigada, Patrick...

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

PIJAMA, CANECA E CHOCOLATE QUENTE




Como já falei, me "apaixonei" perdidamente pelo PIJAMA DE FLANELA da moça do filme. E pela CANECA que ela estava tomando CHOCOLATE QUENTE.

AGORA EU QUERO TOMAR UM CHOCOLATE QUENTE NA MINHA CAMA USANDO O MEU PIJAMA DE FLANELA !

Produção ?

Primeiro , mandar fazer o pijama ( já que não existem pijamas prontos que não sejam pega-frango para mulheres de 1.80 m )

Segundo, a caneca. Tem que ser de Natal, dessas de Papai Noel mesmo, vermelha. Um pouco mais fácil.

Terceiro , o chocolate quente. Este é o mais barato de todos....

Vamos providenciar, senhora...




Obs: Não reparem , é apenas uma das "monicas" falando com a outra. Isso acontece de vez em quando ainda...Isso quando uma "monica" não expulsa a outra de casa....

TAKE ME HOME



Hoje de manhã, como o Telecine Pipoca estava liberado, eu acabei "entrando" em um filme. Sabe como é "entrar em um filme"? Pois é , eu estava muito bem na minha sala quando me apaixonei perdidamente pelo pijama de flanela que a atriz linda do filme estava usando. O quarto dela também era delicioso, e minha mente não muito lúcida adorou "entrar naquele cenário".

O filme já estava no meio , mas me conquistou pelo "pijama". É água-com-açúcar, é . É romântico demais, é..

Mas eu também sou uma pessoa "água-com-açúcar" e "romantica demais".Só não tenho um pijama de flanela tão lindinho. AINDA.


O nome do filme ? "ME LEVA PRA CASA" . Já levei.

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

RAINHAS DO LAR EM VITÓRIA








O Domingo foi muito legal, com as fazocas do site Rainhas do Lar de Vitória se encontrando na Padaria Monte Líbano na Praia do Canto....

sábado, 15 de novembro de 2008

FILME TERAPÊUTICO FAMILIAR



A tarde de sábado foi terapêutica pra família. Existem filmes que mexem com nosso inconsciente e fazem cair pequenas "fichas" , chamadas "insights" para os terapeutas.

Hoje assistimos o filme "Click", com o ator versátil Adam Sandler ( "Como se fosse a primeira Vez, lembram ?")

A história é de um jovem e bem-sucedido arquiteto que pretende ascender à condição de sócio da empresa onde trabalha. O arrogante proprietário da firma, conhecedor do talento e interesse de Newman, a todo o momento o provoca a dar mais de si para a empresa ao prometer-lhe cargos melhores e sociedade na empresa.

Newman tem uma bela esposa e dois filhos, e acredita que deve se sacrificar ao máximo em sua carreira para atingir uma condição invejável dentro da empresa, e assim permitir conforto e qualidade de vida elevada para sua mulher e as crianças.Para que isso aconteça, ele trabalha muito, sem questionar sua "corrida dos ratos"

Um dia, cansado de se estressar com os inúmeros controles remotos de sua casa, sai para comprar um "Controle Remoto Universal" , em uma loja. É aí que sua aventura começa.

Click é um filme que nos faz refletir sobre a pressa insana com que estamos levando nossa vida, esquecendo do que é essencial .

Lembrei da música do Paralamas,"Busca Vida", que tem um trecho assim :

Ele ganhou dinheiro
Ele assinou contratos
E comprou um terno
Trocou o carro
E desaprendeu
A caminhar no céu
E foi o princípio do fim


Será que falei muito e o filme vai perder a graça ?


Detalhe : Inspirada no Blog da Nina, resolvi colocar o fundo musical também.


terça-feira, 11 de novembro de 2008

PUXÃO DE ORELHA




Ontem levei um "puxão de orelha" de DEUS. Sabe, chegou até a ser engraçado, pois eu estava precisando ouvir umas "verdades". Tinha me chateado com algo na empresa, e estava me perguntando :

- O que fazer agora, se já não tenho tanta vontade de trabalhar como antes ?

- O que fazer para arranjar clientes ?

- O que fazer para a empresa prosperar de novo ?

De repente, uma "voz, me falou :"

"Você parece boba....Não confia em Mim não ? Já passou por tanta coisa na vida....Lembra que teve a construção embargada por um juíz uma vez ? Lembra que o cara da Escelsa já foi cortar a luz da empresa , e voce atendendo um cliente, não sabia se saia para conversar com o cara, ou se enrolava o cliente ?
Já passou por tanta coisa, agora fica com frescura, perguntando se a empresa vai pra frente ? Confia em DEUS de uma vez !"

Não sei explicar tudo isso de uma forma "racional" , mas depois peguei o meu terço da libertação e comecei a orar, e falar que JESUS ME LIBERTA....E sentí um conforto espiritual enorme.....Como se com a minha oração eu pudesse transformar as coisas a minha volta ( isso eu já sabia, mas tinha esquecido, sabe... )

Agora, cada vez que um pensamento mau ( desses pensamentos cachorros que só sabem te tirar a paz ) vier pra mim, eu mostro a lingua pra ele, pego o terço e vou conversar com o Chefe de novo...

Fiquei muito feliz por esta nova oportunidade...

domingo, 9 de novembro de 2008

APRENDENDO COM FÁTIMA




"Com educação não pode haver omissão. O segredo é persistência e paciência"



"Nosso combinado é desligar a TV as 8 e meia da noite. Depois, eles pegam um livro para ler até as 9,horário em que dormem. Quanto à internet, brinco que sou mais bacana que o Bill Gates ( fundador da Microsoft ) Ele só permitia que seus fihos ficassem meia hora, já eu deixo 40 minutos ( risos ) , mas sem Orkut.
Não acho que isso acrescente."
( sobre os fihos )



Minha sina é ajudar na diferenciação, porque eles ( os trigêmeos ) não querem nada parecido com o do outro irmão. Eu vou a livrarias e sempre levo três livros diferentes sobre determinado assunto que eles estejam aprendendo. É trabalho triplo !


"O fato de eu já ter passado dos 40 não é um peso para mim, e sim uma conquista. Penso que seria ruim, por exemplo, transmitir às minhas filhas a mensagem de que aparência é tudo , preocupar-me demais com isso."




"E eu acredito na juventude interior. Há pessoas que têm a capacidade de manter isso aceso e outras que envelhecem muito cedo. Na minha opinião, existem coisas que não se resolvem com plástica- o brilho do olho, o sorriso....isso você não recupera numa cirurgia. É preciso cuidar do que está dentro também"


Trecho da entrevista de Fátima Bernardes a Revista Cláudia , de novembro de 2009

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

RENASCER



Largar desse cais

Ir sem direção

Seguir os ventos que clamam por mim

Tecer minhas teias

Com minhas mãos

Sugar das entranhas desse chão meu fim

Digladiar com os dois de mim

Ser o São Jorge de meu dragão

Dividir meus segredos com a noite

Minhas verdades com os céus

Trilhar as estradas

Que não trilhei

Romper as portas trancadas por mim

E assim minhas mãos saberão de meus pés

E assim renascer e assim renascer ( bis)



A letra desta música que Zizi canta divinamente me relembra de tudo o que ainda tenho aprender na vida...

BLOGAGEM COLETIVA - Hoje é dia de Cecília !



Tu tens um medo:
Acabar.
Não vês que acabas todo o dia.
Que morres no amor.
Na tristeza.
Na dúvida.
No desejo.
Que te renovas todo o dia.
No amor.
Na tristeza.
Na dúvida.
No desejo.
Que és sempre outro.
Que és sempre o mesmo.
Que morrerás por idades imensas.
Até não teres medo de morrer.

E então serás eterno.
Cecília Meireles


Homenagem do Blog "Inventadeira de Moda" para a grande escritora Cecília Meireles.

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

HOJE É DIA DE CECÍLIA







Photobucket



Estou participando da Blogagem Coletiva HOJE É DIA DE CECÍLIA
Sexta-Feira, dia 07 de Novembro, é o dia oficial.

Quem quiser participar, entre no Blog da minha mais nova amiga virtual,
a Leonor Cordeiro. Participem....

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

"LETTER TO MY DAUGHTER "




"Você pode não controlar todos os eventos da sua vida,
mas pode decidir não ficar reduzida a eles

Tente ser um arco-íris na nuvem de alguém

Não reclame

Faça tudo para mudar aquilo que você não gosta.

Nunca se lamente.
O lamento deixa um bruto saber que há uma vítima por perto.

Não morra sem fazer algo maravilhoso para a humanidade"



Trecho do livro "LETTER TO MY DAUGHTER", de Maya Angelou

AVENTURA NUM SPA



Sempre havia ouvido falar de SPAs, mas nunca tinha tido a oportunidade de ir a um deles. Para mim , parecia algo da elite, daquelas atrizes famosíssimas que volta e meia emagreciam 300 kilos em uma semana.

Por causa de um convênio , acabei tendo direito a uma diária ( uma só ?) em um deles. Como havia vaga para um acompanhante e meu marido não podia ir por causa do trabalho , acabei chamando uma amiga maluquete, que também estava acima do peso , como eu.

Sim, o que pode acontecer em um dia de SPA ?
Como temos "alma de criança", resolvemos levar na esportiva e nos divertir bastante com as coisas que iríamos viver lá.

- Será que vamos poder dormir a tarde toda ?

Estávamos muito, mas muito cansadas.Cansadas e sonolentas.

Como nosso "tempo" era curto, chegamos no SPA as 14:00 de sexta-feira. Descobrímos que tínhamos que pagar uma "taxa-extra", que o "convênio" não cobria. Esta taxa nos dava direito a três terapias, que estavam no "cardápio" do SPA.

A primeira terapia que escolhemos foi um banho de argila. A sensação quando nos deitamos na cama era de que parecia que estávamos no Instituto Médico Legal ( DEUS nos livre e perdoe !) com alguém querendo "embalar" a gente . Aproveitamos que iríamos ficar uma hora imobilizadas e tiramos um grande e delicioso cochilo, com cheirinho de mel de argila, que a terapeuta argilal havia passado em nosso rosto. Depois, uma grande ducha quente, e a sensação de uma pele mais lisinha, mais gostosa.


Nosso estômago, grande companheiro de viagem , ouviu alguém na outra sala comentar algo sobre o "lanche da tarde". Parecia gozação com a nossa cara : 01 pão de queijo para cada uma ! Haviam outros pães de queijo, mas eram contados, e a tentação de "roubar" pães de queijo das outras companheiras era enorme.Mas conseguimos nos conter.

Depois da terapia da argila, fui para pra uma espécie de "chocadeira": uma caixa de madeira cheia de luzes acesas dentro.

- Eu não vou morrer eletrocutada não ? - perguntei a jovem terapeuta luzal , que ria da minha inexperiência em Spas.



A moça riu , disse que era bom para eliminar toxinas, melhorar a pele, etc, etc...
Transpirei , transpirei e transpirei. Depois da ducha fria , fomos para o quarto dormir um pouco, para esquecer comida.

A noite esperamos ansiosamente e apreensivamente pelo jantar. Olhávamos o relógio de dez em dez minutos. Tentamos nos distrair folheando várias revistas com mulheres lindas ,magras , maravilhosas e perfeitas , que havíamos levado de casa.

Finalmente a janta : uma porção de sopa numa pequena cumbuca. Sim, havia uma fatia de pão integral ao lado para nos consolar . Mas era só. Como assim , Bial ?

Ainda nos restava uma esperança : a "ceia".Quando voce pensa em "ceia",que imagem vem a sua cabeça ? As nove horas da noite, chegou ao nosso quarto um potinho de gelatina com pedacinhos de maçã dentro. Meio decepcionadas, devoramos os potinhos , e fomos fazer nossas orações diárias, para dormir mais um pouco.

No dia seguinte,o café da manhã : água de mamão com o tal pão integral ao lado. Que saudades de casa, do leite com Nescafé, do bolo de banana, de poder repetir quantas vezes quisesse....

Após o "desjejum", fomos medir a pressão e pesar, para poder caminhar uma hora com o professor. Tinham chegado 03 moças muito bem dispostas, magras e lindas, que pareciam ter disposição para tudo. Era humilhante ver tudo isso, porque a toda hora nos perguntávamos "o que elas estão fazendo aqui ?". Mas iríamos superar..

Caminhada, alongamento, hidroginástica.....e dormir.....Claro que fomos dormir depois. É muito "estressante' tudo isso. Nossos maridos , para provocar, disseram que almoçariam numa churrascaria com as crianças....Para distrair, tomávamos todos os tipos de chás que ofereciam, e acabei me apaixonando perdidamente por um de hortelã com canela : jurei que quando voltasse, iria fazer em casa, assim como a gelatina de maçã.

Nosso almoço de sábado : Salada. Um prato de salada ( tudo bem , era lindo, mas era salada....)



- Mas tem a segunda parte- comentou a menina magra.

A segunda parte, era uma porção de arroz integral com soja. Saudável, né ? Fala isso pro meu estômago....Nada de sucos (não se bebe líquido nas refeições, esqueceu ?).

E a terceira parte, a sobremesa ? Ah, não tem . Agora é só esperar pelo lanche das 15:00.

Fracas e confusas, fomos tirar o nosso "cochilo" depois do almoço.Quase ultrapassamos nossa diária e a combinação com nossos maridos. Dormimos mais do que a cama , e quase perdemos a última terapia incluida, forno de bier.

Ainda tínhamos direito a dois pêssegos cada uma, que comemos como se fosse o último pedaço de pão da face da Terra.

Despedímos das terapeutas, tomamos banho, e pegamos o "caminho de casa", jurando que nunca mais passaríamos fome pagando.

Mas aprendí uma grande lição. Meu estômago é um grande mal-educado e mimado, acostumado a ter "tudo nas mãos", e a hora que quer. Ele, como eu , precisa de muita disciplina e até umas "pequenas recompensas de vez em quando", para que eu possa levar qualquer dieta saudável pra frente. É um desafio estimulante, que estou disposta a enfrentar, com a foto da Angélica na porta da minha geladeira.

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

AMIGOS LOUCOS E SÉRIOS



Amigos loucos e sérios

Meus amigos são todos assim: metade loucura, outra metade santidade.
Escolho-os não pela pele, mas pela pupila, que tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.
Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.
Deles não quero resposta, quero meu avesso.
Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.
Para isso, só sendo louco.
Louco que senta e espera a chegada da lua cheia.
Quero-os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.
Escolho meus amigos pela cara lavada e pela alma exposta.
Não quero só o ombro ou o colo, quero também sua maior alegria.
Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto.
Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade.
Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.
Pena, não tenho nem de mim mesmo, e risada, só ofereço ao acaso.
Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça.
Não quero amigos adultos, nem chatos.
Quero-os metade infância e outra metade velhice.
Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto, e velhos, para que nunca tenham pressa.
Tenho amigos para saber quem eu sou, pois vendo-os loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que a normalidade é uma ilusão imbecil e estéril.

Marcos Lara Resende

terça-feira, 28 de outubro de 2008

LIVROS E LIVROS



Ontem agradecí muito ao bom DEUS pela quantidade e qualidade dos livros que consegui comprar ultimamente. Eu, que fiquei tanto tempo sem poder me dar a "estes luxos" , consegui umas promoções maravilhosas na Livraria Saraiva e no Submarino.

Assim, terei livros para ler até no mínimo março, isso se minha compulsão não me fizer ler um deles por dia.

Desde o ano passado , sonho com uma Biblioteca Pessoal Organizada. A Biblioteca Pessoal eu ja tenho, só falta a "organizada".Quero ter um "controle" maior dos meus livros, não de uma forma neurótica,mas tranquila e serena....Um dos meus 158 sonhos maiores na vida é montar um grupo de troca de livros...Onde possamos fazer saraus literários e contação de histórias, principalmente para adultos...

Quem tiver sugestões de "Organização de Bibliotecas Pessoais", me dê dicas.Principalmente me dêem dicas de "pedir o livro que a pessoa pegou emprestado e nunca mais devolveu"

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

CURANDO A CRIANÇA INTERIOR


Ei Jujuba...

Ontem fui a sessão da mulher que tem a cadeira que deita, de novo....Menina....

Apareceu uma imagem de uma Monica com 10 anos de idade, numa escola paulista, sendo totalmente rejeitada pela turma....O diálogo foi o seguinte :

- Tia Neida, esta menina vai ficar na nossa turma ?

Eu , empolgada, achando que seria muito bem-vinda.

- Que pena !

Isso porque a terapeuta foi buscar comigo o "sentimento de inadequação" que me persegue há anos.

Não posso dizer que doeu de novo, porque a coisa é bem resolvida, e na hora...Não é "Sofrologia", como diria o senhor Paulo, meu Coaching.....É um novo modelito de terapia, mais focado para resultados. "Sim, e daí ?Fui rejeitada na escola sim, sofri muito , apanhei, não reclamei, fiz parte do núcleo pobre da novela, os rejeitados, eu mais minha amiga Norma, que era deficiente , ou quase, dois amigos estrangeiros, um português e outro japonês. Nós éramos os "diferentes".Sim, mas o que eu posso fazer com isso agora ?"

No final da sessão parece que a gente deixa tudo para trás, e que a gente vê as coisas como se estivesse sobrevoando, ou melhor , flutuando em cima da cena.

Adorei a experiência. Decidí no final da sessão que quero aprender mais, estudar mais sobre isso. Nenhuma criança levar este sentimento de inadequação o resto da vida, como se fosse uma mochila pesada, cheia de bugingangas.

Joguei fora a mochila, com tudo dentro. Procurei uma central de reciclagem de lixo antes, claro,para poder aproveitar minha experiência de uma forma positiva. "O que posso aprender com isso ?' Tudo .

terça-feira, 21 de outubro de 2008

TERAPIA DO LIVRO





Meus dias estão mais iluminados com a presença de Elizabeth Gilbert na minha vida...
Estou adorando o livro "COMER , REZAR e AMAR"....(coloquei o título em Inglês só para pensarem que estou lendo o original , mas estou lendo em português mesmo )

Se eu pudesse , faria igual Júlia Roberts, que disse que estava comprando o livro de presente para todas as amigas dela...Claro,vai ver que ela será a protagonista do filme que será feito em cima do livro.. E já está querendo divulga-lo...Marketing de rede, isso...

Plena identificação com a autora. Terapia. Só um trecho, de tiragosto :

"O Bhagavad Gita - aquele antigo texto iogue indiano- diz que é melhor viver o seu próprio destino de forma imperfeita do que viver a imitação da vida de outra pessoa com perfeição. Então agora comecei a viver a minha própria vida. Por mais imperfeita e atabalhoada que ela possa parecer, ela combina comigo, de alto a baixo" E eu ainda completo :

"Por mais imperfeito e atabalhoado que possa parecer meu marido, ele combina comigo , de alto a baixo"

Não falei que era terapia ?

terça-feira, 14 de outubro de 2008

UTILIDADES PARA GARRAFAS PETS



Apesar do local não estar produzido ainda, ou melhor, concluído ainda, achei a idéia bacana e criativa...Estou garimpando todas as idéias possíveis de serem feitas com garrafas PETs...Quem tiver idéias boas, me mande , ok ?


sábado, 11 de outubro de 2008

ORGANIZADOR VERSÁTIL



Adoro idéias versáteis ( e baratas ) para organizar a casa. A Mariana Moura Lima , amiga virtual , me deu uma idéia de organização de lingerie, com garrafas pets....

Achei diferente, e pretendo organizar minhas bijouterias assim também....
Podemos colocar ao invés do crochê na borda, retalhos de fitas diversas.

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

KIT BÁSICO DE SOBREVIVENCIA ROUPAL

Agora que posso finalmente dar uma "respirada" no trabalho, vou passar alguns dias organizando meu guarda-roupa. Não que eu seja organizada, vou fazer isso por uma questão de sobrevivência. Preciso fazer um "KIT" de "ROUPAS BÁSICAS", pois estes dias penei para achar "ROUPAS BÁSICAS" no meu guarda-roupa. Tenho que ter o meu "GUARDA-ROUPA PROFISSIONAL" reservado.

Uma matéria que ví no Terra me chamou a atenção , sobre 10 peças indispensáveis para a CESTA BÁSICA DA MODA...Pretendo formar minha "cesta" ou meu "kit" a partir destas dicas....


1- CALÇA JEANS


A calça jeans básica em tom escuro pode montar um look casual, se usada com blusinhas, ou sofisticado, aliada à camisas, regatinhas com brilho e scarpin.

2.PRETINHO BÁSICO

O pretinho básico faz a festa das moçoilas em várias ocasiões. Com um casaco, serve para reuniões formais, com uma flor cria um look glamuroso para grandes eventos sociais.

3-CALÇA PRETA

A calça preta é uma das grandes maravilhas da moda porque emagrece e dá elegância. Pode ser combinada com camiseta, camisa e jaquetas.


4-PANTALONA


A pantalona pode ser usada com botas ou sapatos de bico fino para compor um visual sofisticado. Experimente usá-la com "sapatênis" e crie um look esportivo e chique.


5- VESTIDO FLORIDO


Dá graça aos seus finais de semana e reuniões com amigos. Pode ser usado com sapato ou sandálias.

6- JAQUETA ESPORTIVA

Pode fazer combinações esportivas, usada com jeans, ou compor um visual mais comportado, usado com saia ou calças sociais.

7- CAMISA BRANCA

É o maior trunfo de um guarda-roupa. Pode compor um visual clássico ou moderno de acordo com os acessórios, calças e sapatos escolhidos. Ela serve para a noite e o dia e permite que você passe de uma reunião de negócios a um happy hour sem constrangimentos.

8. SAIA ATÉ OS JOELHOS

Este tipo de saia deixa a mulher com estilo clássico se for combinada com scarpin. O look fica descontraído se a combinação for feita com sandálias ou sapatos baixos.

9- CAMISETA BÁSICA

É versátil e vai do sofisticado, usada com calça social e blazer, ao esportivo, usada com jeans. O ideal é ter várias no armário e de várias cores e cortes.


10- JAQUETA DE TECIDO


Uma jaqueta de tecido é ideal para dias frios e que exigem versatilidade.

Vocês colocariam outros ítens na sua "CESTA BÁSICA DA MODA" ?

terça-feira, 7 de outubro de 2008

ASSERTIVIDADE



Meus "sonhos de consumo" atuais:

- ANDAR COM UMA POSTURA ELEGANTE E TRANQUILA - Deixar de ser tão curvada, deixar de ter cara de "Tadinha"

- SER ASSERTIVA - Saber dizer NÃO calmamente, tranquilamente, rindo, e sem me sentir culpada

- FAZER TODAS AS POSTURAS DE YOGA POSSÍVEIS NA MAIOR TRANQUILIDADE- Não pra me exibir, mas para ser feliz

- SER LEVE E BEM HUMORADA - Encontrar prazeres na pequenas coisas

- FAZER EXERCÍCIOS FÍSICOS TODOS OS DIAS FELIZ DA VIDA - Não é apenas fazer exercícios, mas fazer exercícios "feliz da vida", entende ?

Como diria um pensamento que lí em algum lugar :

"AS MELHORES COISAS DA VIDA, NÃO SÃO COISAS"

terça-feira, 30 de setembro de 2008

SOBRE O QUE NÃO ACONTECEU



Depois de ler o meu Post "DECIDI SER MAIS LEVE", a Márcia me mandou um e-mail emocionante sobre o tema :

Sabe Monica,não sei se já te contei,qdo tinha uns10 anos um grupo de teatro foi a minha escola apresentar uma peça. Eles se encantaram comigo e eu com eles.
Na época eu adorava escrever,viajava na maionese,rs...escrevia contos,amava.Eles viram e gostaram mto.

Conversamos bastante,brincamos mto e qdo eles estavam indo embora me chamaram e fizeram um pedido inusitado e animador a beçaa pra mim: "Olha nós gostamos demais de vc e das suas histórias,vamos embora agora e vamos voltar tal dia,e queremos q vc escreva,faça uma história tão boa qto essa e qdo voltarmos levaremos até a editora...´´

Nossaaaaaaa eu pireiiii o cabeção!! Rs,rs...
Mas isso me custou tão caro.
Chegou o tal dia q eles disseram q viriam,e nadaaaa!!!

Só em falar eu sinto até a respiração do dia...

Que coisa né,como essas coisas de infância mexem c a gente!

Olha eu ficava horas na frente da escola esperando por eles,e resultado,
eles nuncam voltaram...

Mônica como isso foi frustrante pra mim viu...
Bom, resultado : "Não suporto mais escrever,carta,nem bilhete,nadaaaaaaa!!!Só qdo realmente é mto nescessário..."

Falo pra todo mundo : sabe,não fale pra uma criança q vai fazer algo pra ela,ou por ela se vc realmente não tiver essa intenção,pq isso póde custar mto caro!!! Falo isso por experiência própria...

E olha não prometo nada,absolutamente nada pra uma criança se eu realmente não tiver condições e intenções de cumprir.
Bjk
Marcia

BAZAR DE TROCAS E FEIRA DE LIVROS



Cheio de idéias versáteis, o site "Rainhas do Lar" mostrou um Post do BAZAR DO ESCAMBO, ou BAZAR DE TROCAS que elas fizeram há tempos atrás..

Eu sempre gostei destas idéias. As meninas do site explicam melhor.

Quer passar uma tarde bacana com as amigas, economizar uma graninha, praticar uma atitude ecologicamente correta (pense na sustentabilidade!) e, de quebra, ainda dar uma renovada no guarda-roupa? Parece impossível, mas é isso que acontece quando você reune suas amigas para fazer um Bazar do Escambo ou simplesmente uma tarde de troca-troca, regada a comidinhas, bebidinhas e, claro, diversão.

Fora do Brasil a prática já é bem comum - são as chamadas clothing swaps, que a mulherada na Europa já conhece bem (dizem que até Madonna é adepta - será?). Por aqui a coisa também pode pegar e, se depender das minhas amigas, vai pegar mesmo ;) Nós fizemos o nosso bazar esse fim de semana e já temos planos para repetir a dose =)

A idéia nao poderia ser mais simples. Você junta todas as roupas e acessórios que você já enjoou ou cansou de usar (sabe aquele brinco linnndo que já deu pra você? e aquela blusa que você achou linnda no dia que comprou mas depois viu que não tinha nada a ver com o resto do seu guarda-roupa? então), reúne as amigas, pede que cada uma leve uma coisinha gostosa pra comer e algo pra beber e daí é só deixar que a coisa siga o seu curso natural - amigas reunidas + roupas + acessórios + bebidinhas... fala, não tem um curso mais do que natural aí? Hohoho.
Se você se lançar na idéia, tenho certeza que você vai passar uma tarde (ou noite, sei lá) super bacana.


Fico com muita pena quando vejo os livros do meu filho do ano passado, semi-novos, que poderiam ser passados para outra criança. Isso me lembra um amigo meu , que foi passear na Alemanha. Estava no restaurante comendo batatas fritas com galinha.Comeu o que achou suficiente, e deixou algumas porções na travessa ao lado. Uma mulher, que estava na outra mesa, viu que ele iria deixar comida, aproximou-se educadamente, e perguntou :

- Voce não vai querer mais não ?

Ele fez que naõ com a cabeça, e ela pegou delicadamente a travessa e a levou pra mesa dela. Meu amigo disse que ela só faltou falar perante a "É por isso que vocês no Brasil são pobres !"

Acho que ela falaria isso também se visse os livros "novinhos" do meu filho na área de serviço. "Mas vocês não trocam ?"

DECIDÍ SER MAIS LEVE



Hoje estava pensando em tanta coisa que a gente carrega sem precisar. Tanta culpa, tantas crenças negativas a respeito da vida e de outras pessoas.

Uma das coisas que a vida , e Madre Tereza me ensinaram , é julgar menos e amar mais.
Mas, o que isso tem a ver com "decisões" ?

Muitas vezes, a gente , sem querer, decide coisas inconscientemente.Num Workshop que fiz uma vez, por exemplo, descobrí que tinha decidido "não ganhar dinheiro escrevendo". Foi interessantíssimo descobrir isso. Numa das sessões de regressão, voltei a minha infância e me ví com 12 anos de idade. Como sempre gostei de escrever , e já havia sido premiada algumas vezes em jornais infantis e revistas,resolvi inventar de escrever um "livro". Minha intenção já era: ficar famosa, viver de royalties, e poder então comprar meu som "Três em Um" na época...Com o restante do dinheiro, ajudaria minha família inteira a "sair do sufoco".

Escreví os "Originais" de um livro "maravilhoso", na minha opinião, não mostrei pra ninguém ( nem pra revisar, tamanha a minha "modéstia" na época ) .

Meses depois, quando eu já tinha esquecido do fato, a coordenadora da escola me chamou na sala dela. A editora para a qual eu tinha mandado os originais, me mandara de volta "agradecendo muito, mas não estava interessada na história".

O engraçado é que , aquela cena estava totalmente esquecida na minha cabeça. Quando fui estimulada a "voltar ao passado" e procurar saber o que acontecera para eu ter tomado a "decisão limitante" de não ganhar dinheiro escrevendo, minha mente inconsciente fez voltar a tona minha decisão tomada aquele dia "NÃO VOU GANHAR DINHEIRO ESCREVENDO" .

Anos depois, vejo que conseguí sucesso com a "desprogramação" de decisões limitantes feita no Workshop.Semana passada recebí de uma editora um Vale Postal de 100 reais por uma participação numa revista.

Agora, fiquei empolgada , e quero trocar todas as outras "Decisões Limitantes" que possam estar no meu inconsciente por "Decisões Libertadoras".....

Decidí ser mais leve....

domingo, 28 de setembro de 2008

EU AMO SUPERNANNY



O título do Post já diz tudo, não é mesmo ?

Sempre aprendo alguma coisa com ela. Hoje foi emocionante ver aquela família, lutando pra educar e organizar a vida com 04 filhas, uma delas com paralisia cerebral.O pai sustenta as cinco mulheres, e a mãe se equilibra pra dar conta de disciplinar as duas meninas mais novas, que , pelo que foi visto, sentem ciúmes da atenção que ela dá a mais velha...

Um stress que só quem é mãe pode entender....

As vezes queria que Supernanny fosse lá em casa só pra me ajudar a organizar o horário de estudos do Matheus e convencê-lo que tomar banho é alguma coisa saudável.