sexta-feira, 31 de julho de 2009

DEBORA BLOCH E OS "MEUS MONSTROS INTERIORES"




"As pessoas acreditam que o amor é a solução para seus problemas, enquanto o amor é a recompensa por você ter resolvido seus problemas. Tem que estar bem consigo mesma para ficar bem com o outro."


Com esta frase da atriz Debora Bloch eu me lembro das tantas vezes que acreditei que o meu parceiro seria a solução para os meus problemas. Quando resolví encarar meus monstros de frente, a relação mudou da água para o vinho ( vinho do bom )


Vale a pena ler a entrevista toda da Debora,que é uma fã da terapia, no site da
REVISTA CLAUDIA

terça-feira, 28 de julho de 2009

Minha "tão grande culpa"




Vendo trechos da novela Caminho das Indias , eu rememoro ( existe esta palavra ?) uma época em que ,eu tinha depressão e não sabia. Uma dos sintomas da depressão é sentir culpa, muita culpa, mesmo que você não seja culpada de verdade.

Na novela , a cobra, digo, a matriarca da novela , Laksmi, vivida pela atriz Laura Cardoso espezinha o tempo todo a vida da "pobre" nora Indira ( Eliane Giardini ) , considerando-a culpada por tudo de ruim que acontece na família( e se deixar, até o que acontece no mundo inteiro )

Agora eu acho até engraçado lembrar disso, mas lembro de várias situações "insuportáveis" em que deixei várias coisas na vida , porque "fulano ou beltrano" não tinham acesso.

Sem contar , que quando as coisas davam errado, de alguma forma, eu é que me sentia culpada por isso. Quando davam certo , o mérito sempre era de outra pessoa.

E existem pessoas que, quando percebem alguém se sentindo culpado, aproveitam para se eximir de todas as responsabilidades, e colocar mais uma "mochilinha" nas costas daquele "mocoronga culpado".

Hoje, quando percebo que alguém tenta me colocar culpa pelo que não fiz, imagino a tal mochilinha, e decido : "não , isso é pesado, não é meu , é da pessoa...se a pessoa não quer carregar, nem eu....vou procurar um lugar pra pendurar isso..." Ou então , jogo no chão mesmo e saio cantarolando pela vida afora.

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Carta a um amigo baseada no livro "CARTAS ENTRE AMIGOS"




"Fiquei muito feliz de você estar procurando caminhos novos. Sinto que vai evoluir ainda mais, até mesmo na profissão. Tenho o maior orgulho de você, embora nunca tenha dito isso....Você é uma pessoa reinventada. "Doidinha da Silva" , mas que se reinventa a todo momento.


Ontem fui a terapia enfrentar meus "monstros". Buscar coragem para cobrar um cliente que nos deve, desde o ano passado , e abusou de nossa boa vontade...Enfrentar os meus "medos" de conflitos , e buscar coragem para continuar com nossa empresa.

Não é fácil ter equilíbrio....Tenho buscado isso, o tempo todo, melhorar minha auto-estima na profissão.

A gente cansa de perder uma hora. Cansa de "se deixar usar". Na verdade a gente não é "usado', a gente "se deixa" usar....Doeu enxergar isso, mas enxerguei e assumí que me deixei usar profissionalmente, por não confiar em mim mesma.

Coloquei um trecho do livro CARTAS ENTRE AMIGOS , que estou lendo , e que remete a importância de buscarmos ajuda para nos conhecer melhor..."


"É preciso ser exigente com as nossas imperfeições e com o nosso comodismo. Não podemos ficar deitados em busca de escravos dos nossos desejos e apetites. Urge que vençamos o domínio fácil daqueles que nos servem e usam de nós como peça de decoraçao. Não estamos aqui para decorar ou embelezar o museu alheio. Estamos aqui para exaurir as nossas forças na decisão consciente de não ter medo dos monstros que habitam os nossos próprios museus. São nossos. Criados por nós mesmos ou por outros. Mas são nossos. São os traumas que carregamos. As decepções. As tristezas. Os fracassos. As mesquinharias. Tudo nosso. E não há como escondê-los embaixo de um tapete enfeitado que agrade o nosso visitante. O tapete há de rasgar a qualquer momento, e há de revelar o que não limpamos simplesmente por medo de ficarmos a sós conosco mesmos. Evidentemente não há só sujeira. O nosso museu interior nos revela imagens preciosas do quanto servimos ao outro, do quanto amamos, do quanto nos emocionamos com cenas delicadas da vida que emprestaram poesia ao nosso sonho e que acalentaram o nosso convívio. É o que somos : perfeição e imperfeição, dualidade.E a vida madura talvez seja a incansável busca em fazer com que as virtudes vençam os vícios, e que o museu esteja , enfim, digno de ser visitado. Nada de enfeites, nem disfarce. Limpeza. A sós conosco mesmo, somos capazes de nos limparmos para que o odor desagradável naõ desagrade nem a nós nem aos outros.

Ninguem gosta de ser usado, amigo, E ninguém de fato gosta de ter usado alguém. É isso mesmo, ninguém usa o outro impunemente e quem nos pune é a nossa própria consciência. Lá dentro, sabemos que são as trocas,as mãos dadas, que nos conferem dignidade."

quarta-feira, 22 de julho de 2009

GRAÇA E CORAGEM



Como é bom descobrir "tesouros" por aí ! Eu como vivo atrás de "anjos" ( pessoas do bem ) e "tesouros" ( escritos edificantes ) encontrei por acaso no site da
REVISTA VIDA SIMPLES deste mês uma matéria inspiradora sobre o assunto CORAGEM.

Para completar, a revista indicou um livro chamado GRAÇA E CORAGEM , que eu já estou histérica para comprar .
Preciso me cercar de tudo o que me dê esperança, me faça a voltar a acreditar no ser humano, e me fortaleça também...

Ou seja, preciso de Graça e Coragem...

sexta-feira, 17 de julho de 2009

COISAS PARA DEUS CUIDAR




Tô preparando uma caixinha pra colocar todas as "COISAS PARA DEUS CUIDAR". A da foto pertence ao BLOG VIAGEM COM G mas a minha vai ser uma caixa de sapatos , bem básica ,no máximo forrada com tecido ( vou mostrar quando ficar pronta se tiver coragem )

Nela quero colocar LISTAS de coisas que tem me incomodado muito , mas que não me sinto ( AINDA ) forte o suficiente para resolver.

Colocarei FICHAS DE PAPEL ILUSTRADAS com as coisas que QUERO "descansar" em DEUS !

Por exemplo :

- A SAÚDE DO MEU PAI - Que precisa se cuidar e deixar de ser criança

- A VONTADE DE TER UMA POSTURA BACANA ( Sou muito mocoronga ainda )

- NOSSA EMPRESA ( E a vontade que eu tenho de chutar o balde )

- NOSSA FUTURA FILHA ADOTIVA ( Acima de 03 anos, que ande, fale , e durma a noite toda e de preferência depois do almoço também - principalmente aos domingos )

- MEU "SEM-JEITO" NA COZINHA - Quero ainda um dia desmitificar a cozinha ( sim , porque sou uma fraude como dona-de-casa. ) Ainda quero considerar a cozinha um prazer, e não um dever.

E outras coisitas para as quais já perdí as "forças" de querer controlar. Agora, só
Ele para dar um jeito nestas "baguncinhas" da minha vida.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

MIMOS QUE EU "PRECISO" COMPRAR





Nos livros de FINANÇAS PESSOAIS, os autores falam pra gente se auto-perguntar quando vai ao Shopping e vê algo interessante :

- Eu preciso , ou "quero" isso ?

Normalmente eu sempre "quero" e nunca "preciso" ( ainda mais num Shopping )

Pois agora eu "PRECISO" montar um "cantinho acolhedor" em casa para beber vinho com os amigos e o maridex.

Dois acessórios "indispensáveis" que eu "PRECISO " muito :

- A tábua de frios e a adega climatizada Black and Decker, que está numa promoção da MASTERCARD.

Porque tem horas que a gente precisa investir nos pequenos prazeres da vida !

terça-feira, 14 de julho de 2009

INVESTINDO EM QUALIDADE DE VIDA PROFISSIONAL




Ontem recomecei o meu processo de COACHING EMPRESARIAL .


Confesso que sentí um super frio na barriga quando acordei ( segunda-feira de manhã é um ótimo dia para RECOMEÇAR um processo )
Confesso também que não é fácil MUDAR.....Sei que preciso fazer estas MUDANÇAS há algum tempo, mas estava "tapando o sol com a peneira".....


Mas , como todas as vezes que fechei o pacote com 10 SESSÕES DE COACHING eu sempre chorei, esperneei, fiquei ansiosa, me senti "sofrida" a princípio......Só que depois de algum tempo a sensação de BEM-ESTAR e de METAS CUMPRIDAS é enorme...


Torçam por mim....
Ainda estou muito "mexida" com minha 'história profissional". Preciso de ajuda. E quando preciso de ajuda não tenho vergonha de pedir e buscar, onde for necessário.

Mas sinto que só o fato de ASSUMIR que preciso de ajuda já me abre novos horizontes.


"Talvez seja este o aprendizado mais difícil: manter o movimento permanente,a renovação constante,a vida vivida como caminho e mudança."
( Frase de Maria Helena Kuhner)



Boa semana !

domingo, 5 de julho de 2009

EXERCÍCIOS DE MUDANÇA PESSOAL





"Uma das mais lindas compensações desta vida é que ninguém poderá sinceramente tentar ajudar outra pessoa sem ajudar a si mesmo."


Ralph Waldo Emerson



Hoje descobrí esta frase no site GOLFINHO, que é um site de Programação Neurolinguística. Na verdade, nunca fiz um curso "normal" de Neurolinguística, com professor. Mas tive a imperdível chance de fazer "sessões" de Neurolinguística, com o coaching e palestrante PAULO COSTA.

É engraçada a vida da gente. Muitas vezes nos preocupamos em nos "recauchutarmos" na parte física : emagrecer, fazer lipo, escova progressiva, etc...Mas esquecemos da "reforma" interior, da mudança na qualidade dos pensamentos...Mudando os pensamentos, estamos mudando nossa realidade física....

Voltando ao site GOLFINHO, vale a pena ler seus
ARTIGOS e praticar exercícios com seriedade, ou melhor dizendo , com disciplina e leveza. Eu garanto : As mudanças acontecem de verdade .


"Tudo vale a pena , se a alma não é pequena"
Fernando Pessoa