segunda-feira, 30 de junho de 2008

CARTÃO DE CRÉDITO AO CONTRÁRIO

Ontem estva conversando com meu irmão sobre "FINANÇAS PESSOAIS", e isso me fez refletir algumas coisas. Por exemplo, acho que a gente tem que "comprar" a nossa liberdade, no bom sentido. Preciso também voltar a economizar. Ir acabando com meu cartao de crédito aos poucos até zerar, e fazer um "CARTÃO DE CRÉDITO AO CONTRÁRIO". Como assim ( interrogação )

Tendo uma caderneta de poupança com o valor do limite do seu cartão, e assim, ao inves de pagar juros pelo cartão, voce receberá juros.....Pouquíssimo, claro ,mas algum jurinhos para comprar chiclete, bala...E além disso voce pode ainda negociar um desconto de 3 a 5 por cento nas compras a vista..

É claro, que é bom termos sempre um "CARTÃO DE CRÉDITO", sem anuidade, para as coisas onde não temos descontos a vista...Mas usa-lo somente para combustivel ( e as vezes compras de supermercado ) Claro, se derem milhas também....

Bom, depois eu volto com mais reflexões....

Quero também "comprar" minha liberdade, ou seja , poder colocar pessoas para trabalhar na empresa, e poder trabalhar somente meio-expediente...

Monicaty

quarta-feira, 25 de junho de 2008

ORGANIZANDO O GUARDA-ROUPA



Arrume seu guarda roupa para o inverno 2008...

Organização, conservação e desapego
Essas são as leis básicas na manutenção de um armário saudável. Um pouco de tempo também é necessário. Dedique um final de semana com uma amiga ou amigo sincero, que goste de você e queira te ver bem. Na falta da amiga, e do amigo, um espelho pode ser um bom substituto. Tenha sempre por perto um espelho de mão, para que você possa enxergar suas costas.
Comece pelo começo
Experimente primeiro as peças novas e boas, que você já sabe usar. Registre os looks que deram certo por meio de fotos ou listas e numere-os, deixando-os sempre à mão para facilitar o seu dia-a-dia. Os favoritos devem ser posicionados na melhor parte de seu guarda-roupa.
Agora tente outras combinações, procurando ousar na mistura de cores e estampas. Lembre-se que o xadrez é a padronagem da estação. Acrescente sapatos e bolsas do fundo do armário, bijoux, cintos.
Invente sobreposições como camiseta por baixo de camisa ou vestido, duas camisas ou camisetas sobrepostas no mesmo look, componha com jaquetas ou casacos para um dia mais frio.
Para os homens, intercâmbios entre peças masculinas são válidos: roube o paletó de um terno e experimente com uma calça ou bermuda esporte, acerte o sapato etc. Vá então acrescentando as peças que já não estão tão novas e componha mais looks, sempre registrando as melhores combinações.
Vá até o final
Experimente todas as peças de sua coleção. Veja se montaram looks completos. As que sobraram podem ser levadas a um passeio nas lojas para encontrar seus pares. As manchadas podem ser tingidas, sendo o preto, em geral, a melhor opção. As descosturadas ou com algum defeito podem ser levadas a um armarinho ou a uma costureira. Algumas lavanderias também oferecem serviço de conserto.
Uma das melhores lições - entre tantas ótimas - do livro "Essencial", de Costanza Pascolato, é a do desapego: "Você pode guardar duas ou três peças por valor afetivo. Digamos quatro, no máximo. Mas se as peças são incontestavelmente passado - e não apenas seu, mas passado do mundo -, nem pense em guardá-las até a próxima arrumação de armário".
Portanto, reúna coragem e determinação para se livrar das peças que você não usa mais, deixando espaço para as boas, que devem ser guardadas limpas, passadas e abotoadas. É fundamental também que os armários estejam limpos e arejados, com espaço suficiente para não amarfanhar as peças. Os cabides devem ser sólidos e, na medida do possível, sustentar uma só peça, para que elas não amassem umas às outras.
E então pare
Terminado o trabalho, seu guarda-roupa arrumadinho, bote os pés para cima, ouça uma boa música e relaxe.
Colaborou nesta coluna Marina Pappalardo.
Fonte:http://estilo.uol.com.br

sexta-feira, 20 de junho de 2008

UM OLHAR DIFERENTE


Hoje vou falar do trabalho de uma amiga minha,fotógrafa, Ariana Rosa, que eu considero de extrema sensibilidade.É ela quem tira as melhores fotos deste Blog ( inclusive a super elogiada foto dos cofrinhos ).

Ariana está com uma exposição de fotografias neste mês de junho em Vitória. "Luz, câmera, emoção". Diferente das outras exposições, Ariana buscou mostrar ao público, por meio das fotos, momentos únicos dos casamentos.

Ariana reúne 20 (vinte) fotografias de 50X70cm, utilizando em seu trabalho a técnica de fotojornalismo. Segundo a fotógrafa, a intenção da exposição é apontar a história do casamento, sem interferir nos acontecimentos, se diferenciando das fotos convencionais e posadas.

De um jeito descontraído, Ariana revela nas fotos todas as emoções vividas pelos noivos, o beijo, as lágrimas, a dança, momentos inesquecíveis que uma máquina fotográfica é capaz de registrar com tanta precisão.

A exposição acontece no espaço cultural da Ematra, por todo mês de junho, de segunda à sexta, das 13h às 19h. Serão histórias que trarão muita emoção e recordações especiais.

Até 30 de junho esta exposição , de segunda a sexta, das 13h às 19h no Ematra - Avenida Cleto Nunes. Edifício Vitória Park. Centro. Vitória - ES

quinta-feira, 12 de junho de 2008

PEIXE PORQUINHO, ALECRIM E COENTRO


O engraçado é que comecei a procurar na Internet receitas com PEIXE PEROÁ...Não achei nada...Descobrí que ele tem outro nome, no "mundo gastronômico": PEIXE PORQUINHO.

Vou ver se consigo testar algumas delas...Tô curiosa...


Na minha curiosidade, acabei parando no Blog MIXIRICA, e descobrí uma crônica muito divertida. To repassando:


O alecrim e o coentro

E o abismo social que separa os dois temperos.

É triste, mas é verdade. Em nossa sociedade há uma colossal divisão de castas, famílias ricas e pobres, cada uma com suas posses e costumes e hábitos, principalmente alimentares, muito diferentes uns dos outros.A casta do alecrim e a casta do coentro. Uma come caviar, a outra peixe porquinho. Uma come carré de cordeiro, a outra buchada de bode. Uma tempera com alecrim, a outra com coentro. Já reparou?O coentro é um dos ingredientes mais odiados que eu conheço e percebo que esse ódio ao coentro muitas vezes não é de gosto. É de hábito. Quem cresce comendo coentro gosta da erva. Diferente do alecrim, que não tem jeito de ser tempero de família, parece mais moda gastronômica.Seja hábito ou gosto adquirido, não é só no Brasil que a divisão do coentro existe. Na Índia a população também é separada entre os que gostam de coentro e os que não, norte e sul, assim como nas regiões opostas tupiniquins.Desde a antiguidade a alimentação divide as pessoas e mesmo antes de existirem os empórios chiques e os mercadinhos de bairro já nos dividíamos à mesa entre os que sabiam usar milhares de talheres e os que não. Até hoje, em países mais pobrezinhos como a Etiópia e a África temos grupos de pessoas que comem com as mãos, enquanto partes endinheiradas do mundo se alimentam com um talher diferente para cada prato.Curioso é que nas partes endinheiradas os restaurantes típicos etíopes e outros que não servem talheres são vistos com euforia, como uma curiosa diferença cultural e não como pobreza profunda de quem não tem tempo, dinheiro ou força para se preocupar com a limpeza das mãos ou com as boas maneiras à mesa.Mas no fundo, bem no fundo do estômago, comendo com a mão, de palitinho ou garfo e faca, o que mata a fome de qualquer um é um bom prato de arroz, feijão, bife e batata frita.

Ah, se é...


Adorei o Blog da Tatiana Damberg, gente, vale a pena....MIXIRICA...

HIBISCO : CHÁ OU PLANTA ?



É muito legal ver as coisas se transformando no dia-a-dia...Em breve, terei que mudar muitos dos meus hábitos alimentares, e estou animada com isso.

Hoje me empolguei com a oferta de Peroá num Supermercado que faz uma propaganda brega na TV. R$ 4,50 o kilo. Perguntaram pra mim se é limpo ou não, eu disse "não faz pergunta difícil não, cara..." Só em saber que existe peroá na promoção para o meu HD "cerebral" já é muita coisa.

Um amigo nos passou uma receita de Peroá Assado, se der certo passo para vocês....Como se eu fosse grande coisa numa cozinha...rsrsrsr

Mas o que hoje eu "aprendí" na Internet de bom é que existe um "Chá de Hibisco" ....E que é muito bom ( foi indicado numa revista Bons Fluídos ) ...Fiquei boquiaberta, pois existem hibiscos no jardim da empresa que eu trabalho...



É mais uma coisa para "abrir minha mente não muito lúcida"...

Vivendo e aprendendo...



Alguém já tomou Chá de Hibisco aí ?

segunda-feira, 9 de junho de 2008

LAR DOCE LAR


Lendo de novo o site do Rainhas , descobri um e-mail de uma leitora muito bacana, que mexeu comigo:


Outro dia conversando com minha mãe ela me explicou a diferença entre casa e lar. Lar vem de lareira. E para que haja fogo, luz, calor é preciso alguém que o alimente, se empenhe em manter a chama acesa.. E que o fogo do entusiasmo siga gerando muita vida!


Biba Arruda

Achei isso muito lindo...A gente sente quando uma casa é só uma casa, ou quando é um lar....Lar é onde tem leite todos os dias....E podemos nos reunir pra fazer um café, com uma toalha de pano.....Lembrei da época que eu trabalhava com pesquisas de opinião pública, e ia bater na casa das pessoas . Da porta eu já percebia quando a casa era um lar, e quando não era.....Quando era um lar a energia era outra.


Hoje fiquei na Internet, procurando receitas de como fazer Fuxico....Fuxico lembra lar também.....É claro que eu não consigo me imaginar “produzindo” uma colcha de fuxicos inteira...Mas que iria ser uma terapia, ia....Eu ia esquecer que tenho que “agregar valor a empresa”, “delimitar meu espaço enquanto pessoa, e outras mil coisinhas mais....Ia relaxar pra caramba....

PAINEL VERSÁTIL

A gente sempre se pergunta o que fazer com coisas que certamente seriam jogadas no lixo...

Neste final de semana, inventamos um PAINEL, feitos com capas de CDs antigos. Encontramos os CDs, sem as capas, numa caixa que estava "solta no espaço"...O resultado vocês vão ver depois de pronto...

Quando ficar pronto eu mostro....

sexta-feira, 6 de junho de 2008

OBJETO DE DESEJO QUE VAI VIRAR POUPANÇA


Hoje descobri que desejo muito todos os livros. Livros de todas as espécies e gêneros ( calma, nem todos ).

Fico babando a coleção das minhas amigas virtuais do site Rainhas do Lar, que vivem comprando livros de receitas...

Fiquei com muita vontade de adquirir o volume que elas compraram há poucos dias . Descobrí que o valor é de R$ 98,00 , e que pode ser parcelado em 9 vezes , porque sou assinante da Abril.
Mas vou resistir bravamente.

quinta-feira, 5 de junho de 2008

AUTO-ESTÍMULO PARA ECONOMIZAR....

Bom, estou precisando me “auto-estimular” para ter vontade de economizar....

A idéia ( meio maluca ) que tive, e que já utilizei antes, quando queria economizar e precisava de estímulo, é essa :

Anotar tudo o que eu “adoraria” ter comprado e não comprei, e “fingir” que gastei o dinheiro.

Exemplo: Ontem eu adoraria ter comprado uma revista Marie Claire, a nova, que saiu , mas resisti bravamente. Então , tenho direito a “guardar” na minha “poupança automática”, no mesmo dia que seria debitado o valor da revista no Cartão de Crédito, os R$ 9,90 da revista....

Entendeu ?

Aparentemente é uma loucura, mas já funcionou outras vezes, quando tive que comprar o meu primeiro carro, quando tivemos que comprar nossa primeira câmera, etc....

É só uma idéia “maluca”. Mas é uma “idéia maluca” do bem.

quarta-feira, 4 de junho de 2008

CASA ACOLHEDORA

Hoje fui procurar na Internet imagens de "casa acolhedora" e descobrí que existe um livro do mesmo nome, da Editorial Estampa .
Fiquei "em cólicas" como diriam as minhas amigas do site Rainhas do Lar para comprar este livreto...

Como acabei de dizer agora: preciso ganhar muito bem para comprar todos os livros que desejo...Porque são muitos !

Por falar em "Casa Acolhedora", a casa da minha amiga Sandra é uma das mais acolhedoras que eu conheço....


Veja detalhes do livro :

Casa Acolhedora
Truques de decoração eficazes, simples e renovadores de Ana Falk

Sinopse
Neste livro encontrará todos os truques e soluções que lhe permitirão conseguir no seu lar o ambiente ideal para viver, adaptando a casa às necessidades reais a que as mudanças na família ou nos gostos obrigam. Verá como, em poucos dias, estará a habitar uma casa nova sem ter mudado de endereço e sem abusar excessivamente da bolsa.

terça-feira, 3 de junho de 2008

META :IR AO GRUPO DE ORAÇÃO TODAS AS SEGUNDAS

Quero ter mais tempo para ir ao Grupo de Oração da Igreja Bom Pastor,
que fica próxima a minha casa. Isso me dá muita energia e me faz entrar
em contato com DEUS.

CAMINHAR COM O MARIDO

CAMINHAR COM O MARIDO

Um dos meus "sonhos de consumo" atual é poder caminhar todos os dias com meu marido no calçadão. De preferência, sairmos mais cedo do trabalho e irmos curtir uma caminhada na praia da costa, ou no Convento da Penha.

FAZER YOGA

1- FAZER YOGA

Uma das coisas que me deixa mais realizada é fazer Yoga. A sensação de paz que fica após uma aula de yoga é indescritível. Só quem já experimentou uma boa aula da Yoga é quem sabe.
Mestre Hermógenes que o diga.

ESCOLHO TER MAIS TEMPO

Hoje lí no Blog do Christian Barbosa, Tríade do Tempo ( quem ainda não leu este livro não sabe o que está perdendo....) uma dica que ele deu para "pensarmos em como queremos utilizar nosso tempo"

"O QUE DEIXA VOCÊ FELIZ E COM A SENSAÇÃO DE TER UTILIZADO BEM SEU TEMPO"?

Faça agora uma lista de coisas que te deixam feliz e cole na sua agenda ou caderno! Utilize fotos e imagens! Toda as vezes que estiver estressado ou triste, reveja essa página!

Adorei, Christian, e vou providenciar já....


segunda-feira, 2 de junho de 2008

METAS PESSOAIS NOVAS 2

2- ORGANIZAR O CARDÁPIO SEMANAL DE CASA

Quero ter o cardápio de alimentação da minha casa bem organizado, com idéias e receitas saudáveis e gostosas para Matheus e Marcelo.

Quero aprender a economizar em casa também.

METAS PESSOAIS NOVAS 1

Vou passar pra vocês minhas metas pessoais novas. Estou precisando me animar de novo com METAS. Sou uma pessoa que ama escrever as metas, e depois realiza-las.

1- APRENDER A FOTOGRAFAR BEM E FAZER SCRAPS

Para alimentar os meus "blogs" e a minha alma, preciso registrar os meus momentos com uma câmera de qualidade .

Quero também aprender a "tratar as fotos" e fazer "SCRAPBOOKS VIRTUAIS"

É uma meta ecológica, não é ?